Início Notícias XP Investimentos reúne 15 mil pessoas em evento; Bitcoin marca presença

XP Investimentos reúne 15 mil pessoas em evento; Bitcoin marca presença

463
0
XP Investimentos reúne 15 mil pessoas em evento; Bitcoin marca presença

“O CEP para nós é um mero detalhe.”

Esta frase de Daniel Cunha, estrategista-macro da XP Investimentos, talvez seja a melhor forma de resumir a XP Investimentos tem se tornado e o que foi o Expert XP 2018, a maior feira de investimentos do mundo, organizada pela empresa de investimentos, e que reuniu mais cerca de 15 mil pessoas nos três dias de evento que ocorreu no espaço Transamérica Expo, na semana passada, em São Paulo.

A ambição global da XP, hoje presente em 30 países em todos os continentes, foi destaque na apresentação de Pedro Silveira, Managing Partner da empresa, que apresentou ao público os principais escritórios e operações da XP. Sempre com o lema “e isso é apenas o começo”, Silveira destacou também que a organização está, recentemente, focada no mundo digital e para isso lançará uma série de aplicações baseadas em tecnologias para facilitar a integração e as operações dos clientes.

Silveria salientou que a empresa entende o mercado financeiro como algo global e diverso, que possui ampla interação com outros setores, por isso ele inclusive possui um portal de notícias que aborda assuntos diversos, como política por exemplo. O objetivo da XP é mostrar aos participantes do mercado que o assunto investimento não está apartado da sociedade que o integra e, portanto, é importante para os investidores terem a consciência de que a economia é fruto principalmente das decisões políticas e do desenvolvimento da sociedade e não um ecossistema construído apenas por engravatados em seus escritórios de vidro na Paulista e no Jardins.

A expansão global e a ambição da XP ficou marcada também nos estandes e na lista de patrocinadores compostos por grandes grupos de investimento com atuação global, como a CBOE de Chicago, o JP Morgan e outros. Além deles, a presença do ex-presidente dos EUA Bill Clinton, que, junto com o ex-presidente do Brasil Fernando Henrique Cardoso, encheu o salão principal do evento em uma espécie de talk show comandado por Daniel Cunha.

O evento contou com cerca de 80 palestras divididas em três espaços, “Expert Sessions”, “Learning Sessions” e “Poupoup Sessions”, com grandes nomes do mercado de investimento internacional e nacional como porta-vozes. Entre alguns palestrantes estavam o economista Ricardo Amorim; Marcel Appel da Adam Capital; Natuza Nery jornalista de economia, além de personalidades de outras áreas como Deltan Martinazzo Dallagnol, procurador da República; Luiz Roberto Barroso, Ministro do Supremo Tribunal Federal, Luciano Huck, apresentador de TV e garoto propaganda da XP.

No primeiro dia do evento, reservado para clientes da XP, Guilherme Benchimol, presidente do Grupo XP, apresentou os planos da companhia à respeito de uma nova exchange de criptomoedas do grupo que funcionará apartada da corretora e terá o nome de XDEX. A nova empresa terá a direção de Thiago Mafra e será composta por 40 funcionários. Nela, serão negociadas as criptomoedas Bitcoin e Ether. O projeto deve entrar em funcionamento “nos próximos meses e semanas”, segundo Benchimol.

O tema criptomoedas também esteve presente no evento por meio de Fernando Ulrich, economista-chefe de criptomoedas da empresa, que comandou a palestra “Criptoativos e a tecnologia blockchain” com uma visão mais geral sobre o que é Bitcoin e destacando que o mercado “separou” a blockchain das criptomoedas e com isso criou uma série de possibilidades para a cadeia de blocos que também configuram uma imensa oportunidade de investimento.