Início Notícias Wall Street vai adotar Bitcoin e criptomoedas mas não agora, afirma Tyler...

Wall Street vai adotar Bitcoin e criptomoedas mas não agora, afirma Tyler Winklevoss

505
0
Wall Street vai adotar Bitcoin e criptomoedas mas não agora, afirma Tyler Winklevoss

Para Tyler Winklevoss, um dos irmãos Winklevoss e CEO da Gemini, embora Wall Street esteja cada vez mais interessada nas possibilidades das criptomoedas, ainda levará tempo para que os grandes investidores institucionais “entrem” realmente neste mercado. Além disso, o gêmeo declarou que não irá desistir de seu ETF de Bitcoin.

“Wall Street está levando a sério as criptomoedas. No entanto, a grande maioria das empresas de Wall Street ainda não participa do mercado de criptomoedas, que continua sendo basicamente um mercado voltado para o varejo. Isso vai mudar com o tempo, mas levará tempo,” disse o CEO em uma entrevista à Bloomberg.

Os investidores institucionais aguardam que os reguladores (norte-americanos) esclareçam suas posições sobre os tokens e permitam outros instrumentos financeiros no mercado, como a proposta do ETF de Bitcoin elaborada pela Gemini e pela Cboe Global Markets Inc. Especialistas do setor acreditam que o fundo VanEck / SolidX, apoiado pela CBoE, pode ser aprovado. A Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC, na sigla em inglês) adiou a decisão sobre a proposta do fundo VanEck SolidX para setembro.

Tem sido um período difícil para os donos da Gemini Trust Co., que têm observado um declínio em seus volumes de negociação, além da negação, pela segunda vez, de um ETF de Bitcoin proposto pelo gêmeos. Enquanto isso, a Gemini vem fazendo planos para expandir seus negócios de varejo. Nos últimos seis meses, dobrou sua equipe para 150 pessoas em todo o mundo e planeja aumentá-la ainda mais antes do final do ano. A empresa também conseguiu atrair executivos de tecnologia para a bolsa, como o ex-CEO da Bolsa de Valores de Nova York Robert Cornish.