Início Notícias Universidades norte-americanas investem em mais aulas sobre Bitcoin

Universidades norte-americanas investem em mais aulas sobre Bitcoin

661
0

2018 está se preparando para ser o ano dos estudos relacionados ao Bitcoin, à medida que cada vez mais instituições incluem mais aulas sobre a tecnologia. Os exemplos mais recente vêm de algumas das melhores de negócios dos EUA, que estão expandindo suas ofertas de cursos relacionados à moeda digital devido a alta demanda proveniente dos seus alunos.

A Graduate School of Business da Universidade de Stanford, na Califórnia, oferecerá um curso de criptomoedas em tempo integral a partir de maio deste ano. A nova turma surgiu após uma campanha coordenada por alunos do MBA que vêem o conceito inovador e vital para suas futuras carreiras.

“Muitos de nós terão que discutir blockchain em nossos trabalhos, por isso faz sentido ensiná-la na universidade”, explicou Itamar Orr, estudante do segundo ano. “Isso te dá uma vantagem competitiva, é um martelo extra na sua caixa de ferramentas.”

Um grupo de alunos fez uma petição à liderança da universidade para adicionar a turma em tempo integral, pois ela só cobria de forma superficial. Uma vez que Stanford abriu as vagas para a nova turma, uma demanda mais ampla foi confirmada, contando com mais de 50 candidatos na lista de espera.

Susan Athey, professora de tecnologia que ministrará a nova turma, comentou à CNBC:

“As flutuações nos preços deixaram todo mundo hipnotizado: como isso aconteceu? Muitas pessoas passaram por altos e baixos e isso, é claro, é excitante, atrai muito interesse e motiva as pessoas a entender o que está acontecendo.”

A Wharton School da Universidade da Pensilvânia, também oferecerá uma aula sobre criptomoedas pela primeira vez até o final deste ano. O professor Kevin Werbach disse:

“Estamos no ponto em que há uma massa crítica para ensinar este assunto. Haverá um fenômeno real nos negócios no futuro previsível e, daqui a cinco anos, não haverá muitas grandes escolas de negócios que não ofereçam turmas semelhantes.”

Não são apenas os alunos que pedem mais turmas, mas também a indústria. John Jacobs, diretor executivo da McDonough School of Business da Universidade de Georgetown, revelou que está “constantemente” recebendo ligações de Wall Street e de recrutadores de empresas de consultoria dizendo: “Você precisa treiná-los. Precisamos que as pessoas entendam como aplicar a tecnologia blockchain”.

loading...
COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.