A Tron, uma das 20 maiores criptomoedas por valor de mercado, de acordo com o Coinmarketcap e que teve uma alta de preço meteórica nas ultimas semanas, de acordo com o site de notícias CCN, está envolvida em controvérsias quanto a seu whitepaper que, segundo revelado, pode conter plágios de outros whitepaper, especificamente escritos pela Protocol Labs, criador do IPFS e da Filecoin.

A acusação, apareceu primeiro no domingo, via twitter, quando o fundador do Protocol Labs , Juan Benet, twittou uma foto alegando que pelo menos 9 páginas do documento de versão da língua inglesa da TRON foram copiadas dos papéis IPFS e da Filecoin, ambos dos quais Benet co-escreveu com outros membros do Protocol Labs.

Uma inspeção mais minuciosa dos documentos parece confirmar essas acusações, na maioria dos casos, o texto não parece ter sido copiado palavra por palavra. No entanto, as semelhanças em termos de vocabulário e estrutura dão a impressão de que, pelo menos, partes do documento TRON são pouco mais do que reescritas desleixadas da Protocol Labs. O fato mais condenatório é que o whitepaper da TRON não cita nenhuma referência, que no mínimo viola a licença Creative Commons sob a qual o whitepaper IPFS foi publicado, o que permite a reutilização com atribuição.

A equipe da TRON afirmou que a versão original do whitepaper esta em Chinês (na qual não foi possível examinar se ha ou não o plagio conforme acusasão) e que as outras versões foram traduzidas por voluntários, sugerindo que não houve “correção” por parte da equipe principal quanto a estes detalhes. No entanto, ambas as versões, em inglês e em chinês foram removidas do site, mas podemos visualizar uma versão arquivada do site através da Máquina Wayback do Internet Archive.

loading...
COMPARTILHAR
Toda honra e Glória pertencem a Deus sempre. Publicitário e Produtor Cultural. Entusiasta de tudo aquilo que o Estado não consegue controlar. Abaixo aos muros, que se construa janelas para o amanhã