Início Notícias Tom Lee mantém sua previsão de que o Bitcoin pode chegar a...

Tom Lee mantém sua previsão de que o Bitcoin pode chegar a US$20 mil até o final do ano

1072
2
Tom Lee mantém sua previsão de que o Bitcoin pode chegar a US$20 mil até o final do ano

Tom Lee, chefe de pesquisa da Fundstrat Global Advisors, apareceu recentemente no programa “Fast Money” da CNBC para discutir suas perspectivas sobre o mercado de criptomoedas. O analista continua otimista em suas previsões.

Lee, apelidado de “o maior touro de Bitcoin de Wall Street” por alguns, iniciou sua fala no programa chamando a atenção para uma multidão de indicadores positivos. Aludindo ao número incontável de aparições que ele fez no Fast Money, o analista observou que o custo de equilíbrio da mineração, juntamente com os “esforços de rede” favoráveis, ainda impulsionam fortemente o valor do Bitcoin. De qualquer forma, ele então inesperadamente trouxe um indicador de mercado macro, e embora não tenha correlação direta com criptomoedas, Lee o vê como o próximo “indicador principal” do Bitcoin.

O indicador macro em questão compara o desempenho do MSCI Emerging Markets Index, que mede o valor dos mercados de ações nos mercados globais, e o S&P 500 baseado nos EUA. Lee passou a colocar o indicador acima mencionado e o gráfico logarítmico do Bitcoin lado a lado, em uma tentativa de mostrar aos telespectadores da CNBC que conexões podem ser desenhadas entre esses dois gráficos. Como o Bitcoin disparou em valor no ano passado, o mesmo aconteceu com o índice MSCI, embora não exponencialmente. Este aparentemente não é um relacionamento de uma única vez, com o Bitcoin passando por uma inversão de tendência, uma vez que o indicador macro atingiu seu pico no início de 2018.

Embora isso possa ser uma coincidência inoportuna, o guru de pesquisa da Fundstrat revelou por que esse indicador deve ser de interesse para investidores em criptomoedas. Lee afirmou:

“Então, por que achamos que eles estão conectados? Bem, existem dois fatores. O primeiro são os hedge funds – veja os hedge funds tipicamente alugam ações de mercados emergentes. Então, eles correm risco. Então, quando eles estão em risco, o Bitcoin também sofre porque eles estão em risco. A segunda razão tem a ver com efeito riqueza. Efeito riqueza significa que se você está vivendo em um mercado emergente, e você vê seu mercado de ações cair enormemente, você terá muito menos dinheiro para comprar Bitcoin.”

Em outras palavras, o executivo da Fundstrat acredita que, como os mercados emergentes têm desempenho inferior, o Bitcoin também. Posteriormente, falando sobre as condições do mercado, Lee acrescentou que o ecossistema comercial “mudou”, o que atraiu gestores ambiciosos de fundos de hedge macro para a BitMEX, onde a margem de negociação varias de centavos à dúzias.

Além disso, ele observou que os fundos estão começando a contratar indivíduos talentosos e crypto-friendly diretamente da faculdade, o que pode ter um papel na decisão de um fundo de hedge de investigar as criptomoedas. Então, por enquanto, ele observou que os fundos de hedge continuarão a dominar o cenário comercial até que o mercado receba outros acessos fiduciários.

No final o programa, Lee mencionou o Bitcoin Misery Index da Fundstrat, que tem como objetivo calcular o sentimento geral dos traders de criptomoedas em uma escala de zero a 100. O índice está em 36. Ele atribuiu esse número baixo à quase rejeição por parte da SEC de nove propostas de ETFs apoiadas em Bitcoin, junto com as medidas do governo chinês para conter o desenvolvimento e a propagação das criptomoedas.

No entanto, como notado incessantemente pelo analista, o índice pode frequentemente ser visto como um indicador contrário, onde um número baixo relatado pode, muitas vezes, ser um precursor para um rally de Bitcoin de curto a médio prazo. A apresentadora da CNBC Melissa Lee encerrou o programa perguntando a Tom Lee sobre sua previsão de preço de US$20.000. Permanecendo sempre otimista, ele afirmou:

“Leva apenas dez dias para o Bitcoin ver todos os seus retornos em um ano. Então eu ainda acredito que (US$20.000 até o final de 2018) é possível.”

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.