Início Mineração Samsung anuncia a produção de chips para mineração de Bitcoin

Samsung anuncia a produção de chips para mineração de Bitcoin

1168
0
SAMSUNG entrará no mercado de mineração de criptomoedas

A Samsung, maior empresa da Coreia do Sul e responsável por uma grande parte da economia do país, iniciou a fase de produção de equipamentos e chips ASIC para a mineração de Bitcoin e de outras criptomoedas.

Os veículos de comunicação sul-coreanos informaram que a Samsung se associou com um fabricante chinês de equipamentos de mineração no ano passado e terminou o desenvolvimento de seus chips ASIC. A Samsung, que opera uma das maiores fábricas de semicondutores do mundo, fabricará e fornecerá equipamentos de mineração de criptomoedas primeiramente para o mercado chinês.

De acordo com o artigo publicado pela News BTC, agência de notícias especializada no universo cripto, a longo prazo, a Samsung planeja expandir sua empresa de equipamentos de mineração na China para outras regiões, como Coreia do Sul e Japão, que têm uma demanda maior por moedas digitais do que outros países.

Um porta-voz da empresa disse à mídia local que a empresa operará uma fundição para fabricar equipamentos de mineração e irá fornecer a quantidade solicitada pela empresa chinesa de mineração de Bitcoin com a qual se associou. “Está operando uma fundição que fornece uma empresa chinesa mineradora de criptomoedas com equipamentos de mineração e chips ASIC. Como a Samsung acaba de começar seu empreendimento de mineração de moedas digitais, ela ainda não tem certeza das receitas que o negócio pode gerar”, disse o porta-voz.

Nos próximos meses, a Samsung também pretende fabricar GPUs para mineração visando criptomoedas menores.

A Samsung possui instalações de fabricação de semicondutores de grande escala e sofisticadas que são capazes de atender pedidos de qualquer tamanho. Desde o ano passado, a Samsung foi o único fornecedor de telas OLED para a linha de produção do iPhone X da Apple, porque foi a única empresa capaz de fornecer a quantidade necessária à Apple.

Enquanto a Apple investiu vários bilhões de dólares na LG, concorrente da sul-coreana, para fabricar telas OLED, nenhuma empresa conseguiu igualar a Samsung na fabricação de chips e componentes eletrônicos.

Atualmente, a TSMC, empresa do Taiwan, é a única fabricante de metais semicondutores e de fundição que suporta a Bitmain, importante fabricante de equipamentos de mineração de Bitcoin. A entrada da empresa sul-coreana no setor global de mineração de criptomoedas poderia apresentar à Bitmain e à sua empresa parceira TSMC seu primeiro concorrente real.

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.
Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!