Início Notícias Ripple quer que as pessoas parem de chamar sua moeda de “Ripple”

Ripple quer que as pessoas parem de chamar sua moeda de “Ripple”

635
0
Ripple quer que as pessoas parem de chamar sua moeda de

Qual é a diferença entre a Ripple empresa e a criptomoeda XRP? Muitas pessoas afirmariam “nenhuma”, dado que a primeira é proprietária da maior parte da segunda e seus fundadores foram responsáveis pela criação da criptomoeda.

Durante vários meses, a Ripple tem estado em uma missão para dissipar a noção de que é responsável pelo token XRP que emite. O projeto tem o intuito de transformar sua moeda em um símbolo e mantê-lo assim. Isso ocorre apesar do fato de que o “XRP” é simplesmente um token derivado de uma abreviação da palavra “ripple”, assim como XMR é uma abreviação de Monero. Para marcar a distinção, um novo logotipo foi proposto, que é limpo, minimalista e, de forma convincente, não se parece em nada com o da Ripple.

Há até uma conta no Twitter administrada pela comunidade para o novo símbolo XRP e o Github, que explica: “Para que o XRP seja percebido como uma “moeda”, ele precisa de seu próprio símbolo. Assim como o cifrão “$”, o XRP precisa de um sinal universal que denote unidades de XRP. O logotipo atual que está sendo usado funciona muito bem ao fazer referência à empresa e não deve ser alterado, mas um personagem deve ser criado para representar as unidades reais do ativo digital”. O logotipo final ainda não foi decidido, mas qualquer que seja a versão, será muito diferente do atual logotipo compartilhado pela empresa e pela moeda.

Especulações dizem que a empresa está buscando se distanciar de sua moeda de mesmo nome para “desecuritizá-lo”. A probabilidade do XRP ser uma garantia, dado o fato de a Ripple ter participação majoritária, é forte. No caso do XRP ser classificado como tal pela SEC, isso teria um grande impacto no preço do XRP e sua disponibilidade nas bolsas dos EUA. Diante do exposto, faz sentido para a empresa enfatizar a distinção entre a empresa e o XRP. É provável que encontre dificuldades significativas, no entanto, em convencer as pessoas de que esse é o caso.

A razão pela qual a empresa e a XRP são entidades separadas, de acordo com a empresa, gira em torno do fato de que a ledger do XRP é de código aberto e, portanto, qualquer empresa pode usá-lo para seus próprios fins. Embora isso seja verdade, o desenvolvimento de terceiros tem sido pequeno e distante, e a grande maioria dos commits de código do XRP foi realizada pelos funcionários. Se a empresa puder se separar com sucesso de sua moeda, é possível que a ledger de XRP se torne mais atraente para as empresas que desejam utilizá-lo para seus próprios propósitos. Parece improvável, no entanto, que a ledger XRP, por todas as suas eficiências, se torne o Hyperledger da empresa.

Como apontou o crítico de criptomoedas Preston Byrne, a noção de que “não há uma conexão direta entre a Ripple empresa e o token XRP”, conforme declarado pelo diretor de regulamentação da empresa Ryan Zagone, simplesmente não cola. As conexões entre os dois estão escritas em todo o site e em todas as outras fontes de notícias de terceiros. A página do Wikipedia sobre a Ripple aponta que “a rede pode operar sem a empresa Ripple”, mas as evidências sugerem que ela teria dificuldade de funcionar se a empresa desistisse. Inclusive,, operar um nó XRP requer a obtenção de permissão de um dos servidores da Ripple.com.

Com 55 bilhões de tokens XRP bloqueados nos cofres da empresa, a maneira mais simples da Ripple livrar-se da associação com a criptomoeda seria queimar a maior parte de seu fornecimento de XRP. No entanto, isso não pareceria muito bom em seu balanço e, portanto, a campanha para reformular a marca conforme o XRP se intensifica.

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.