Início Notícias Report indica que a maior parte do capital investido em criptomoedas em...

Report indica que a maior parte do capital investido em criptomoedas em 2018 vem de investidores institucionais

406
0
Report indica que a maior parte do capital investido em criptomoedas em 2018 vem de investidores institucionais

Segundo o artigo publicado pela agência de notícias Cointelegraph, o primeiro relatório sobre investimento em criptomoedas, divulgado em 18 de julho pelo fundo de gestão de ativos digitais Grayscale Investments, revela que a maior parte do ingresso de capital em criptomoedas este ano é proveniente de investidores institucionais.

O Grayscale vem monitorando investimentos em criptomoedas há cinco anos, lançando um fundo de investimento em Bitcoin (BTC) em setembro de 2013 e expandindo para outros fundos de ativos – incluindo Ethereum Classic (ETC), Zcash (ZEC) e Litecoin (LTC) – bem como ofertas diversificadas, nomeado Digital Large Cap Fund.

De acordo com o relatório emitido nesta semana, o capital institucional foi responsável por 56% de todos os novos investimentos em produtos da Grayscale durante o primeiro semestre de 2018.

Apesar do quadro inegavelmente pessimista para os mercados de criptomoedas durante este período, o Grayscale observa que, “constantemente”, o ritmo do investimento “acelerou a um nível que não vimos antes”.

O investimento total até 30 de junho de 2018 foi de quase US$248,4 milhões – o melhor período de captação de recursos desde 2013. US$9,55 milhões em capital novo vem entrando em média semanalmente, com US$6,04 milhões – 63% – indo para o fundo de Bitcoin.

Além dos investidores institucionais que ocupam a maior parte do portfólio do Grayscale, seus dados de perfil de investidor mostram que os indivíduos credenciados respondem por 20%, as contas de aposentadoria 16% e os escritórios familiares 8%.

Destes, aproximadamente 64% de todos os novos investimentos vieram de dentro dos EUA, 26% são investidores estrangeiros (por exemplo, entidades registradas em Cayman) e 10% de outras regiões.

O investimento médio foi de US$848 mil para investidores institucionais, US$553 mil para escritórios familiares, US$335 mil para contas de aposentadoria e US$289 mil para pessoas físicas. O relatório qualifica esses números observando que os dados são distorcidos por vários “outliers grandes e únicos”, bem como somas que foram divididas em várias alocações ao longo de uma série de dias.

O relatório do Grayscale sugere que os principais investidores consideram potencialmente a recessão do ano como um momento privilegiado para entrar nos mercados de criptomoedas.

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.
Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!