Bitcoin Preço Máxima Histórica

A poucos dias do lançamento dos contratos de futuros de Bitcoin nos Estados Unidos, o preço da moeda digital atingiu a maior alta de todos os tempos, batendo recordes tanto no mercado nacional quanto no mercado internacional.

Durante as últimas semanas, duas das maiores bolsas de derivativos do mundo anunciaram as datas de lançamento de futuros de Bitcoin. Enquanto o Grupo CME destacava-se pela atitude inovadora, como a primeira bolsa a disponibilizar a moeda digital para negociação, anunciando o lançamento dos contratos futuros da criptomoeda em 18 de dezembro, a segunda maior bolsa de Chicago, a Cboe, tomou à frente e anunciou o lançamento do seu produto para uma data ainda mais próxima, dia 10 de dezembro.

No Brasil, o Bitcoin chegou a ser negociado por até R$47 mil – ou cerca de US$14,5 mil – nas principais corretoras de criptomoedas do mercado, de acordo com dados da ferramenta BitValor. O volume de negócios nas últimas 24h supera os R$100 milhões. O destaque é para a corretora Mercado Bitcoin que tomou a liderança em termos de volume da Foxbit neste dia 6 de dezembro.

No mercado mundial a média de preço do Bitcoin é de US$13.057,04, de acordo com dados da ferramenta CoinMarketCap. Essa média é elevada por influência de preços mais altos praticados por corretoras da Coreia do Sul, como por exemplo a Bithumb, uma das maiores corretoras sul-coreanas, que está negociando a moeda digital por US$14.624,50. Outras corretoras como a Coinone, cujo preço está em US$14.630 e a Korbit, cujo o preço está em $14,634.60, também ajudam a elevar a média de preço da criptomoeda.

As corretoras de moedas digitais japonesas e norte-americanas, por exemplo, ainda estão negociando o Bitcoin na casa dos US$12 mil. No Japão, a bitFlyer, uma das maiores corretoras de criptomoedas do mundo, tem o Bitcoin sendo negociado a US$12.157,50. Na Coinbase, maior corretora de criptomoedas dos Estados Unidos, o preço do Bitcoin está em US$12.900. Em Hong Kong, a Bitfinex negocia a moeda digital a US$12.712.

Com a quebra de novos recordes de preço, o Bitcoin passa a ter valor de mercado de mais de US$218 bilhões, o que significa mais de duas vezes o valor de mercado do Banco Goldman Sachs, um dos maiores bancos norte-americanos.

Os valores apresentados foram atualizados até o fechamento da matéria.

loading...
COMPARTILHAR

Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.