Início Notícias Poloniex é comprada pela startup de pagamentos Circle

Poloniex é comprada pela startup de pagamentos Circle

912
0

A Circle, startup de pagamentos que conta com investidores importantes como o banco norte-americano Goldman Sachs, anunciou nesta segunda-feira, 26 de fevereiro, que adquiriu a corretora de criptomoedas Poloniex.

De acordo com a Coindesk, agência de notícias especializada no universo cripto, a Poloniex disse que sua equipe seria reforçada pelos recursos operacionais e de suporte ao cliente da Circle, “para que possa continuar a crescer efetivamente no futuro”.

“Reconhecemos que nosso crescimento extraordinário nos últimos anos não foi alheio a algumas dores de cabeça para nossos usuários. Estamos ansiosos em trazer a experiência da Circle para aumentar a escalabilidade e confiabilidade de nossa plataforma e operações.”

Os rumores sobre a aquisição estavam no ar por semanas antes do anúncio emitido nesta segunda-feira. Em 2 de fevereiro, um relatório sobre o Consenso Moderno disse que a Circle “estava em discussões profundas para adquirir a Poloniex”. Robert Hackett, da Fortune, revista norte-americana, informou hoje que, de acordo com uma fonte que possui conhecimento do negócio, a Circle pagou cerca de US$400 milhões para comprar a Poloniex, corretora de criptomoedas que foi lançada em 2014.

Comentando o acordo, a Circle disse que planeja contribuir para o trabalho realizado anteriormente pela equipe Poloniex, estabelecendo o objetivo de empurrá-la para ser “uma uma corretora somente de criptomoedas”.

“Nós imaginamos um mercado distribuído multidimensional robusto que pode hospedar tokens que representam tudo que possui valor: bens físicos, captação de recursos e equidade, imobiliário, produções criativas como obras de arte, música e literatura, arrendamentos de serviços e aluguel com base no tempo, crédito, futuros e mais”, escreveram os co-fundadores da Circle Jeremy Allaire e Sean Neville.

Em suas próprias declarações, a Poloniex enfatizou que seus usuários não veriam interrupção dos serviços durante a transição, escrevendo que “todas as atualizações que fizermos no decorrer desta transição serão feitas nos bastidores e focadas no fortalecimento da experiência do usuário, desempenho da plataforma e segurança”.

“Seus fundos permanecerão seguros e o acesso às funcionalidades da conta não serão interrompidos.”

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.