Início Notícias Parity do Ethereum anuncia o fim de sua carteira e interface para...

Parity do Ethereum anuncia o fim de sua carteira e interface para usuários

504
0
Parity do Ethereum anuncia o fim de sua carteira e interface para usuários

Segundo o artigo publicado pela agência de notícias Coindesk, a Parity, software de cliente do Ethereum, anunciou algumas mudanças importantes, incluindo a remoção de sua interface gráfica de usuário (GUI).

De fato, as mudanças significam que a “carteira” da Parity – isto é, seu repositório de chaves privadas – não existe agora para consumidores gerais, não técnicos. Todos os “instaladores e pacotes específicos do sistema operacional” também foram removidos.

De acordo com detalhes recém-publicados para os clientes Parity 2.0, o software está sendo posicionado como “software especializado para uso em produção e não deve ser considerado software para usuário final ou uma ‘Ethereum Wallet'”.

No coração da mudança está um tipo de reposicionamento de servir como uma ferramenta para usuários cotidianos, focando naqueles que fornecem infraestrutura na rede Ethereum, principalmente exchanges e mineradores.

Como o post explica:

“Nós refletimos essas mudanças estratégicas removendo completamente a interface gráfica do usuário, a chamada ‘Parity Wallet’ do cliente. Além disso, removemos todos os instaladores e pacotes específicos do sistema operacional. Desta forma, vemos a Parity Ethereum como uma parte da infra-estrutura central, para ser agrupada em pacotes de software do usuário final, como carteiras gráficas, ou para ser usada como uma biblioteca em aplicativos móveis.”

O anúncio chega quase um ano após o dia em que cerca de US$30 milhões em ether foram roubados como resultado de uma vulnerabilidade no software Parity. O bug estava relacionado a um contrato específico de assinatura múltipla.

Outra falha de código mais séria resultou no congelamento de mais de 500.000 ETH – no valor de mais de US$250 milhões no período – em novembro passado. De acordo com um post publicado posteriormente, a exclusão de uma biblioteca de códigos que suporta a carteira multi-assinatura da Parity provocou o bloqueio do fundo.

Deixando de lado as mudanças, aqueles que esperam continuar usando uma carteira derivada da Parity podem fazê-lo, de acordo com o post, embora a startup tenha dito que “manterá apenas minimamente” a interface do usuário que está linkada no GitHub.

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.
Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!