Início Notícias O uso de Bitcoin Cash dentro das exchanges sofre queda significativa

O uso de Bitcoin Cash dentro das exchanges sofre queda significativa

441
0
O uso de Bitcoin Cash dentro das exchanges sofre queda significativa

Segundo o artigo publicado pela agência de notícias Cointelegraph, uma análise dos pagamentos recebidos pelas 17 maiores exchanges de criptomoedas do mundo mostrou que o uso do Bitcoin Cash (BCH) no comércio diminuiu, de acordo com a Chainanalysis, empresa de análise de blockchain.

Um grupo de analistas da Chainanalysis descobriu que os pagamentos com BCH caíram para US$3,7 milhões em maio, de US$10,5 milhões em março, enquanto o volume de pagamentos com Bitcoin (BTC) foi estimado em US$60 milhões em maio, ante alta de US$412 milhões em setembro. Kim Grauer, economista sênior da Chainalysis, disse em uma entrevista por telefone com à agência de notícias Bloomberg:

“Há menos usuários de Bitcoin Cash, menos detentores.”

Este ano, o preço do BCH diminuiu 75%, enquanto o do BTC caiu cerca de 55%. Grauer vê a “propriedade concentrada” como a razão para a baixa taxa de adoção do BCH, onde quase 56% da criptomoeda é controlada por 67 carteiras que não estão localizadas nas exchanges.

Entre 10.000 e 100.000 BCH são mantidos por duas carteiras. Grauer disse que é possível que “os detentores mais ‘ricos’ são os que enviam muito do tráfego para serviços comerciais”.

O BCH surgiu há um ano depois de um hard fork na blockchain do BTC. Enquanto o lançamento do BCH causou polêmica na comunidade, Alejandro de la Torre disse à Cointelegraph sobre a importância do fork:

“A capacidade de fazer forks e manter a comunidade alinhada foi uma grande conquista. Ao fornecer uma largura de banda muito maior por bloco, primeiro aumentando para 8 MB e novamente para 32 MB. Este ‘quarto’ adicional é mais do que o necessário agora, mas o BCH parece estar olhando para frente e se preparando para processar grandes volumes de tráfego. O tamanho maior do bloco também permite que o BCH armazene mais informações em cada transação, dando à blockchain espaço para escrever contratos inteligentes na cadeia a custos baixos.”

De acordo com dados da ferramenta Coinmarketcap, mesmo com o recente declínio, o BCH ainda é a quarta maior criptomoeda do mercado.

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.