Início Notícias Jogador de rugby é condenado na Austrália por negociar drogas usando Bitcoin

Jogador de rugby é condenado na Austrália por negociar drogas usando Bitcoin

126
0
Jogador de rugby é condenado na Austrália por negociar drogas usando Bitcoin

Gavin Brown, jogador de rugby profissional da Austrália, foi preso por tentar distribuir um grande número de comprimidos de metilenodioximetanfetamina (MDMA) – popularmente conhecido como Ecstasy – que ele comprou de vendedores na deep web.

O jogador, que reside na região Darwin, no estado australiano do Território do Norte, foi condenado a 18 meses de prisão por ter sido acusado de envolvimento em comportamento ilegal, a fim de satisfazer seu vício em drogas. Notavelmente, a Austrália tem uma das maiores taxas per capita de tráfico de drogas do mundo realizadas via deep web.

Segundo o portal de notícias ABC Australia, o acusado é um profissional de rugby de 27 anos que joga para os Litchfield Bears. Para comprar os comprimidos de Ecstasy, Brown supostamente usava Bitcoin (BTC) em suas transações. As autoridades australianas afirmam que o jogador comprou US$6.000 em comprimidos utilizando Bitcoin como meio de pagamento.

A Suprema Corte do país afirmou que Brown comprou 500 comprimidos de MDMA através de fóruns on-line clandestinos. As pílulas MDMA ou Ecstasy são uma droga sintética (e substância controlada na maioria dos países, incluindo a Austrália) que “alteram o humor e a percepção. São quimicamente similares aos estimulantes e alucinógenos, produzindo sensações de aumento de energia, prazer, calor emocional e distorção sensorial e percepção do tempo”.

No mês passado, o juiz Peter Barr, que foi designado para o caso, havia informado ao tribunal que Brown “usou a deep web para comprar drogas pela primeira vez”. Barr notou ainda:

“Você (Brown) acessou a deep web para comprar pílulas mais baratas do que através de traficantes em torno da cidade de Darwin.”

Uso e revenda

Com isso, a pena ao jogador foi fixada em 18 meses de prisão. A Corte ainda o acusou de ter vendido 400 das pílulas que comprou para várias “boates e pubs” locais, localizadas perto da capital do estado. O juiz Barr revelou:

“O atual preço de rua de Darwin para um único tablete MDMA é de US $40 a US$50. Se você tivesse vendido os 400 comprimidos restantes a esse preço, você teria que receber entre US$16.000 e US$20.000.”

Embora seja um caso preocupante, a compra de drogas por meio de criptoativos está se tornando cada vez mais uma exceção. Um estudo da Agência de Repressão as Drogas dos Estados Unidos (DEA, na sigla em inglês) afirmou que as atividades criminais envolvendo criptoativos caíram 80% desde 2013 – ano do auge no uso do Bitcoin para esse fim através do extinto site Silk Road.

Compre e Venda Bitcoin, Ethereum, Litecoin e Decred de maneira simples, rápida e segura !!CLIQUE AQUI