Início Notícias Jamie Dimon se arrepende de chamar o bitcoin de “fraude”

Jamie Dimon se arrepende de chamar o bitcoin de “fraude”

859
2

O CEO do J.P. Morgan Chase voltou atrás em sua posição sobre o bitcoin e fez leves elogios a moeda e a tecnologia Blockchain.

Em entrevista realizada nesta terça-feira pela Fox Business, Jamie Dimon foi taxativo: “me arrependo“, afirmou, referindo-se a sua declaração, dada em setembro do ano passado, de que o bitcoin seria uma fraude. O CEO foi ainda mais além ao dizer que “se alguém fosse estúpido o suficiente para comprar, então iria pagar o preço algum dia“, em declaração dada no mês de outubro.

Após a declaração de Dimon, o bitcoin chegou a cair quase 50%, mas logo se recuperou e experimentou altas consecutivas de preço, quebrando recorde atrás de recorde. Atualmente, a moeda encontra-se negociada em grandes instituições de Wall Street, como a CME e a CBOE, e o próprio J.P. Morgan anunciou o planejamento de uma tecnologia baseada em blockchain para reduzir o número de intermediários nos pagamentos eletrônicos realizados pelo banco “de horas para semanas”.

E, hoje, o próprio Dimon complementou as suas declarações de arrependimento na entrevista ao Fox Business, afirmando que a tecnologia Blockchain já é uma realidade.

“A blockchain é real”, acrescentou Dimon na entrevista. “Você pode ter criptodólares, ienes e coisas assim. ICOs … você deve olhar para cada um individualmente. O bitcoin sempre foi para mim sobre o que os governos vão sentir sobre bitcoin quando ele for realmente grande. E eu apenas tenho uma opinião diferente do que outras pessoas”.

Sobre as ICOs, Dimon complementou afirmando: “não tenho muito interesse sobre esse assunto em particular“.

É importante ressaltar a sinceridade do CEO sobre a sua postura positiva em relação a tecnologia por trás do bitcoin, a qual reflete de certa forma o otimismo gerado pelos mercados financeiros no uso e criação de blockchains próprias. Além do J.P. Morgan, os bancos centrais do Canadá e da Austrália, além do New Zealand Banking Group são os parceiros do banco no projeto, denominado Rede Interbancária de Informações, projeto que tem como objetivo utilizar a blockchain para proporcionar mais agilidade e segurança nas transações financeiras.

O reconhecimento de Dimon reflete a mudança de opinião que as pessoas costumam ter quando estudam mais a fundo a tecnologia e descobrem os seus potenciais de uso, os quais vão muito além da moeda e até mesmo do sistema financeiro.

Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!