Início Notícias IBM, Barclays e Citigroup lançam loja de aplicativos DLT para bancos

IBM, Barclays e Citigroup lançam loja de aplicativos DLT para bancos

349
0
IBM, Barclays e Citigroup lançam loja de aplicativos DLT para bancos

De acordo com o artigo publicado pela agência de notícias Coindesk, mesmo as blockchains privadas precisam construir ecossistemas e obter efeitos de rede. Pelo menos esse é o raciocínio por trás da LedgerConnect, uma “loja de aplicativos” financeiros focados em blockchain que visa facilitar aos bancos o acesso às soluções de tecnologia de contabilidade distribuída (DLT) oferecidas por provedores de tecnologia e de software.

Anunciada nesta segunda-feira, 30 de julho, a LedgerConnect é fruto de uma parceria do banco CLS com a gigante de software corporativo IBM, além de contar os importantes bancos Barclays e Citigroup entre seus membros fundadores.

Na verdade, nove instituições financeiras estão participando da prova de conceito (PoC) e selecionaram serviços de vários fornecedores, incluindo Baton Systems, Calypso, Copp Clark, IBM, MPhasis, OpenRisk, SynSwap e Persistent Systems.

Na LedgerConnect, as instituições financeiras poderão acessar serviços baseados em DLT em áreas como processos “know-your-customer”, triagem de sanções, gerenciamento de garantias, processamento de pós-negociação de derivativos e reconciliação e dados de mercado.

Este novo hub resolverá uma lacuna de conectividade, onde fintechs iniciantes e grandes empresas de tecnologia enfrentam o custo e a complexidade de criar suas próprias redes distribuídas para que os bancos consumam seus vários aplicativos, de acordo com Keith Bear, vice-presidente de mercados financeiros da IBM. .

“Ter uma rede segura e uma infraestrutura comprovada permite um tipo de modelo de loja de aplicativos, onde os bancos podem identificar aplicativos de provedores certificados e de fintechs e implantar esses aplicativos em uma rede blockchain perfeita”, disse Bear à CoinDesk.

Para o Barclays, um dos bancos mais ativos no campo da DLT, a loja de aplicativos é uma maneira de testar uma nova abordagem.

Lee Braine, CTO do banco de investimento do Barclays, explicou que há várias opções de implantação diferentes a serem consideradas ao projetar registros distribuídos para ambientes ativos.

Por exemplo, se um provedor de infraestrutura de mercado financeiro como o CLS estiver fornecendo serviços de governança e de negócios para um caso de uso específico, pode haver uma opção para esse provedor de infraestrutura de mercado também hospedar os nós em nome dos bancos para acelerar o processo, disse Braine.

“Alguns bancos também podem procurar explorar a opção de implantação mais descentralizada do que hospedar seus próprios nós”, disse Braine. “Ao participar da prova de conceito da LedgerConnect, o Barclays está ganhando experiência em uma rede privada de contabilidade distribuída, com o objetivo de conectar os nós hospedados na infraestrutura de mercado e os nós hospedados nos bancos.”

A própria LedgerConnect é executada parcialmente em uma blockchain de permissão baseada na plataforma blockchain da IBM, que por sua vez foi criada no Hyperledger Fabric, e todos os aplicativos atualmente na loja são baseados no Hyperledger. No entanto, os fundadores estão abertos a outras soluções de blockchain empresariais que utilizam a loja de aplicativos.

“Não somos contrários a apoiar outras implementações de contabilidade, seja o Corda do R3, seja o Quorum (desde que essas tecnologias sejam robustas e atendam às necessidades que temos da perspectiva de segurança)”, disse Ram Komarraju, diretor de inovação do CLS.

Ele adicionou:

“Nossa expectativa é que, em princípio, não nos limitaremos à apenas uma tecnologia.”

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.
Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!