Início Altcoin Fundação NAC negocia a integração da sua moeda digital com o Canal...

Fundação NAC negocia a integração da sua moeda digital com o Canal do Panamá

447
0

A Fundação NAC, organização norte-americana que visa o fortalecimento do setor social através do avanço do conhecimento sobre o uso de moedas digitais regulamentadas e a tecnologia Blockchain nos Estados Unidos e em todo o mundo, que lançou recentemente a AML BitCoin, uma nova moeda digital revolucionária que cumpre os requisitos de combate à lavagem de dinheiro (AML, na sigla em inglês) e de conhecimento de clientes (Know your customer. KYC, na sigla em inglês), acaba de anunciar seu envolvimento em negociações com representantes do governo, e também do setor privado, do Panamá para introdução da AML BitCoin nas infra-estruturas financeiras e de pagamento do país centro-americano.

No mês passado, Marcus Andrade, CEO da Fundação NAC, esteve em diversas reuniões com importantes figuras do mercado nacional e funcionários do governo do Panamá. O processo foi posteriormente acompanhado por Carlos De La Guardia, vice-presidente NAC de assuntos relacionados à América Latina, que continuou a discutir o futuro da nova moeda com seus parceiros nacionais. O ambicioso objetivo a longo prazo da empresa é lançar a AML BitCoin como uma moeda digital oficial a ser utilizada por indústrias e governos por todo o mundo, uma façanha que nenhuma outra moeda digital conseguiu até agora.

De La Guardia, antigo embaixador panamenho dos Estados Unidos, trabalhou com Roberto Roy, presidente do Conselho de Administração e Ministro do Canal do Panamá, para apresentar a nova moeda como uma das opções de pagamento eletrônico para a tarifa de trânsito do Canal do Panamá. Atualmente, as taxas de trânsito são pagas, principalmente, em dinheiro. A introdução do AMC BitCoin e o afastamento de pagamentos em dinheiro proporcionará um ambiente mais transparente e prevenirá qualquer potencial atividade ilegal, criando uma alternativa segura, eficiente e mais econômica.

Até agora, os governos, bancos e outras grandes empresas têm sido relutantes em considerar as moedas digitais como um meio oficial de pagamento, pois elas não atendem aos rigorosos padrões bancários e os requisitos de AML, disse Andrade. A conformidade com os requisitos de combate à lavagem de dinheiro é a base da AML BitCoin. Nós criamos essa moeda digital para oferecer ao mercado uma solução totalmente legítima. Neste momento, vários bancos dos Estados Unidos estão testando o uso da nossa moeda e estamos entusiasmados com o interesse do governo do Panamá em também querer trabalhar conosco, completou.

Os executivos da Fundação NAC têm conversado com as principais autoridades do Canal do Panamá sobre a possibilidade de integração das soluções de verificação de identidade digital da AML BitCoin em um sistema de pagamento que será utilizado por milhares de tripulações que trabalham em navios que cruzam os mares do Panamá. A Autoridade Marítima do Panamá possui o maior registro de navios do mundo.

A AML BitCoin é a única moeda digital do mundo com um sistema de verificação de identidade digital por biometria através da blockchain, com patente pendente, que garante o cumprimento rigoroso de todos os requisitos de segurança bancária, incluindo AML e KYC. Embora a adoção da moeda digital compatível com AML e KYC remova o anonimato, princípio fundamental da blockchain, os novos desenvolvedores da moeda acreditam que o benefício geral de uma maior integração e reconhecimento de pagamentos em criptomoedas supera a questão do anonimato.

Os criadores da AML BitCoin estão confiantes de que a integração da moeda digital ao Canal do Panamá será um passo enorme para uma maior aceitação geral das criptomoedas, que futuramente serão usadas comumente entre as pessoas, assim como o dinheiro é usado atualmente.

Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!