Bitcoin

Hoje é mais um dia para entrar na história do Bitcoin. Depois de muita discussão e debate pela comunidade, a proposta de melhoria da rede do bitcoin (SegWit) foi integrada ao código.

A Proposta de Melhoria do Bitcoin 141 (também conhecida como Segregated Witness ou apenas SegWit) foi proposta pela equipe de desenvolvimento do Bitcoin Core. Nesta terça-feira, 8 de agosto, aproximadamente às 16h (horário de Brasília), o SegWit recebeu sinal verde e foi integrado ao código do Bitcoin. Isso significa que o SegWit estará ativo na rede daqui a pouco mais de duas semanas.

Isso vai deixar o Bitcoin um passo mais perto da adoção pelo público, potencialmente abrindo espaço para mais tecnologias, como a Rede Lightning e outros avanços no desenvolvimento.

Mas mesmo com a integração feita, o protocolo do Bitcoin não irá atualizar do dia pra noite, por dois motivos:

  1. Por causa do “período de carência” do SegWit de duas semanas, a mudança não irá “ativar” até o bloco 481.824, que atualmente está previsto que aconteça no dia 21 de agosto.
  2. Enquanto a integração assegura que o SegWit se torne parte da rede, os serviços de bitcoin ainda precisam atualizar seu software para suportar o novo estilo de transações.

O SegWit foi implementado usando um mecanismo de ativação (BIP9), que requeria que 95% de todos os mineradores (por hashpower) suportassem a atualização dentro do período de dificuldade de duas semanas, o que correspondia a um apoio mínimo sinalizado em um intervalo total de 2016 blocos, para ser exato.

Em resumo, esta atualização permite a separação de dados de transações e dados de assinatura nos blocos da rede Bitcoin. Isso resolve o “problema de maleabilidade” de longa data no protocolo Bitcoin que, por sua vez, permite mais flexibilidade ao programar novos recursos e oferece benefícios adicionais, como um aumento modesto no tamanho do bloco.

Logo após a integração do SegWit ao código, o preço do bitcoin no mercado internacional subiu cerca de US$70 em poucos minutos. No momento da publicação deste artigo, um bitcoin valia cerca de US$3.450, segundo o site cryptocompare.com.

loading...