Início Notícias Fabricante de hardware de mineração Bitmain abre escritório no Brasil

Fabricante de hardware de mineração Bitmain abre escritório no Brasil

1428
115

A Bitmain, gigante mundial na fabricação de hardwares ASIC para mineração de Bitcoin e outras criptomoedas, está abrindo um escritório no Brasil, de acordo com informação exclusiva obtida pelo Criptomoedas Fácil. A estratégia faz parte dos planos de expansão da empresa chinesa que já conta com operações na Suíça, em Israel e nos EUA.

No entanto, as operações da empresa não prometem, inicialmente, serem de grande volume ou terem qualquer vínculo com fazendas de mineração propriamente ditas. Segundo William Davidson, Gerente Geral de Comunicações da empresa, as atividades da empresa no Brasil vão abranger apenas um escritório, em São Paulo, para facilitar as operações de venda dos equipamentos da Bitmain no país e também prestar suporte ao cliente.

Para iniciar suas operações, a empresa deve contratar uma série de funcionários brasileiros para gerir sua estratégia, entretanto, dados como cargos e salários, bem como qual o procedimento para se candidatar à uma vaga, ainda não foram revelados. Além disso, a gigante chinesa vem anunciando, além de novos equipamentos (que geraram controvérsias na comunidade cripto), outros produtos que não envolvem mineração, como o Circle USD (USDC), que é operado pela Circle mas possui investimentos da Bitmain, assim como o anúncio de que pretende investir em até 30 startups para criar “bancos centrais privados” alimentados por blockchain.

Aliado à esta estratégia de desenvolvimento de novos produtos, a Bitmain também tem buscado internacionalização por meio do mercado de capitais e, segundo um relatório, a empresa está atualmente realizando uma rodada de financiamento pré-IPO e pode considerar um plano para abrir o capital na Bolsa de Valores de Hong Kong no futuro.

Em maio deste ano, a Bitmain, buscando diversificar seus negócios, também realizou um investimento de US$110 milhões na Circle, para apoiar financeiramente o plano de longo prazo da empresa. Além disso, a empresa chinesa também investiu cerca de US$50 milhões no navegador Opera e, mais recentemente, anunciou um investimento milionário na Block.one, responsável pela criptomoeda EOS.

COMPARTILHAR
Toda honra e Glória pertencem a Deus sempre. Publicitário e Produtor Cultural. Entusiasta de tudo aquilo que o Estado não consegue controlar. Abaixo aos muros, que se construa janelas para o amanhã
Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!