Início Notícias Cripto Radar: as principais notícias de 11 de janeiro de 2018

Cripto Radar: as principais notícias de 11 de janeiro de 2018

535
0

Confira algumas das notícias mais importantes que circularam pelos veículos nacionais e internacionais:

Governo da Coreia do Sul diverge sobre proibição do Bitcoin

Nesta quinta-feira, 11 de janeiro, o Ministério da Justiça da Coreia do Sul reafirmou que continua a elaboração do seu projeto de lei para o banimento das criptomoedas, que está em desenvolvimento desde o dia 13 de dezembro. Contudo, o Ministério de Estratégia e Finanças do país enfatizou que não concorda com a proposta do Ministério da Justiça. “Nós não compartilhamos os mesmos pontos de vista que o Ministério da Justiça sobre um possível banimento das corretoras de criptomoedas”, disse o órgão. Apesar de vários veículos de comunicação convencionais terem informado que o governo da Coreia do Sul planeja proibir o comércio de criptomoedas, o projeto de lei precisaria passar pelo congresso antes de ser implementado.

Empresa chinesa de mineração de Bitcoin cria filial na Suíça

A Bitmain Technologies, gigante chinesa de mineração de Bitcoin, está expandindo suas operações para a Suíça em um movimento que será importante para ampliação do seu alcance. A Bitmain Suíça foi registrada em Zug, na Suíça, no final de dezembro. “A Bitmain Suíça desempenhará um papel central durante a nossa expansão global”, disse um porta-voz da empresa com sede em Pequim. Fundada em Pequim em 2013, a Bitmain é uma mineradora de Bitcoin líder que também fabrica chips e hardware para mineração.

Microsoft volta a aceitar Bitcoin como forma de pagamento de jogos e aplicativos

A Microsoft voltou a aceitar Bitcoin em suas lojas online Windows e Xbox. No início desta semana, a empresa decidiu acabar com a possibilidade de seus clientes usarem Bitcoin como forma de pagamento de jogos e aplicativos online devido à sua volatilidade. Em poucos dias, a empresa voltou atrás e agora está deixando seus clientes adicionarem Bitcoin às carteiras digitais sancionadas pela Microsoft. “Nós restauramos o Bitcoin como uma opção de pagamento em nossa loja depois de trabalhar com o nosso provedor para garantir que menores quantidades de Bitcoin seriam resgatáveis pelos clientes”, disse o porta-voz da empresa em publicação. A Microsoft começou a aceitar Bitcoin como método de pagamento em 2014.

Tether anuncia o Euro Digital (EURT)

O mercado de criptomoedas deve ganhar um importante aliado em breve que deve impulsionar ainda mais a adoção das criptomoedas no mercado global. A Tether Limited, organização responsável pela emissão do USDT, o dólar digital, muito utilizado em exchanges por todo o mundo, principalmente na Bitfinex, anunciou a emissão de uma nova moeda a EURT, o Euro digital, que, assim como a Tether, será comercializado no modelo 1:1.

Mesmo com queda recente, Bitcoin segue como investimento vantajoso

O Bitcoin, mais famosa moeda virtual em circulação, atingiu sua maior cotação em meados de dezembro, quando bateu a marca de R$62.671 (US$19.343). A valorização acelerada provocou uma corrida de investidores em busca de ganhos significativos com a criptomoeda. Desde então, as pessoas que apostaram na moeda amargaram uma perda de quase 24%, e têm a criptomoeda cotada abaixo de R$48 mil (US$14.750), segundo dados da Coindesk. Apesar da forte desvalorização em um curto espaço de tempo, muitos investidores seguem na esperança de obter novos ganhos significativos com o Bitcoin e outras moedas virtuais. Para especialistas ouvidos pelo R7, ainda é vantajoso comprar Bitcoin, mas isso exige cautela.

loading...
Garanta já sua vaga para o Block Summit SPCLIQUE AQUI