Início Notícias Cripto Radar: as principais notícias de 01 de março de 2018

Cripto Radar: as principais notícias de 01 de março de 2018

509
0

Confira algumas das notícias mais importantes que circularam pelos veículos nacionais e internacionais:

Grupo de bares de São Paulo passa a aceitar Bitcoin e Litecoin como meio de pagamento

O grupo de bares ALIFE, que consiste em 11 estabelecimentos conhecidos de São Paulo, anunciou a implantação de um sistema que possibilita aceitar criptomoedas como nova forma de pagamento. Entre as casas que fazem parte estão Tatu Bola e Eu tu eles. A primeira casa do grupo que irá aceitar moedas digitais é o Boteco Boa Praça, localizado na Avenida Faria Lima, já aceita tanto Bitcoin quanto Litecoin. Com isso, o bar torna-se o primeiro estabelecimento no Brasil a aceitar Litecoin.

HSBC pode, em breve, testar pagamentos em blockchain

O HSBC, gigante banco internacional, está prestes a testar a tecnologia blockchain em transações em tempo real. A Global Trade Review informa que o banco poderá lançar vários programas-piloto com base em projetos existentes de prova de conceito (PoC) em um esforço para começar transacionar na blockchain em tempo real. Muitos dos clientes do HSBC começaram o processo de digitalização de suas operações, mas as cartas de crédito são uma área onde a maioria tem dificuldade, disse Joshua Kroeker, gerente de inovações do banco. “Este produto é um dos primeiros a ser testado, o que vai ser emocionante”, disse ele.

Conheça as três criptomoedas que mais valorizaram em fevereiro

Apesar do mês de fevereiro ter iniciado em meio à uma onda crescente de venda no mercado de Bitcoin, o que fez com que o valor de mercado de todas as criptomoedas apresentassem quedas durante 10 semanas, chegando a totalizar US$276 bilhões, o término deste mês termina com uma aparente recuperação, com o valor total de mercado atingindo a marca dos US$450 bilhões nesta quinta-feira, 28 de fevereiro, último dia do mês. De acordo com o artigo publicado pela Coindesk, a Litecoin e outras criptomoedas menos conhecidas foram as que apresentaram melhor performance durante o mês de fevereiro. Confira.

132 clientes registram ação coletiva contra Coincheck

Durante esta semana, os veículos de notícias japoneses informaram que a CoinCheck, corretora de criptomoedas do Japão que sofreu uma perda de US$530 mil em tokens NEM, está enfrentando um processo coletivo. Ao todo, 132 clientes da corretora uniram-se pedindo uma rescisão de US$2 milhões. Saiba mais.

Putin determina prazo para definição de regras sobre o mercado de criptomoedas na Rússia

Espera-se que a Rússia adote em breve uma nova legislação sobre criptomoedas. Nesta quinta-feira, 01 de março, um relatório do jornal do Parlamento da Rússia, publicação oficial do órgão legislativo do estado, diz que o cronograma para 1º de julho foi ordenado pelo presidente russo, Vladimir Putin. Atualmente, dois projetos de lei sobre criptomoedas foram propostos pelo Ministério das Finanças e pelo Banco Central da Rússia. Embora a maioria dos dois rascunhos tenha chegado a um consenso em relação ao financiamento de multidões usando criptomoedas, eles ainda assumiram posições contraditórias sobre o status das operações das corretoras de criptomoedas.

Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!