Suiça

Um dos principais sistemas financeiros do mundo, sistema bancário da Suíça,  decretou seu voto de confiança no bitcoin.

Foi aprovado pelo regulador do mercado financeiro da Suíça, que um banco privado trabalhe focado no gerenciamento de ativos de bitcoin. A decisão foi tomada com pretensão que outros bancos globais passem a oferecer também produtos de moedas digitais.

O banco Falcon Private Bank, que têm sua sede localizada em Zurique, anunciou no dia de hoje (quarta-feira, 12 de julho) que o poder superior do Sistema Financeiro Suíço (ou FINMA) liberou ao banco principal do país que a gestão dos ativos passe a funcionar tendo como base a tecnologia Blockchain, moedas digitais como bitcoins.

O chefe global do banco Falcon, Arthur Vayloyan esclareceu:

As pessoas aqui estão pensando que isso está além do bitcoin. Este é um novo capítulo sobre como trocamos dinheiro. Como parceiro de serviços financeiros, acho que devemos fazer parte dessa estratégia.

Ainda foi dito que a discussão oficial pelo novo gerenciamento de ativos de bitcoins, teve seu início em janeiro deste ano, e teve sua solicitação na data de 23 de junho. O banco Falcon obtém em seu mercado o valor de 14,6 milhões de francos suíços em ativos de clientes.

A empresa terá acesso aos bitcoins através da agência de moedas digitais da Suíça – Bitcoin Suisse.

Existe ainda contradições entre os bancos e representantes do mercado financeiro da Suíça, muitos apoiam a ideia, alguns ainda estão estudando o novo gerenciamento. Niklas Nikolajsen, representante da Bitcoin Suisse disse que Arthur Vayloyan está mais preocupado com a proteção de seus consumidores do que o uso dos bitcoins em si.

Seria uma nova fase do mercado financeiro Suíço?

“Eu assumiria que não demoraria muito para que o resto do setor bancário siga o exemplo. O gênio está fora da garrafa e os recursos de criptografia trazem uma proposição de valor que você não pode ignorar”, Niklas Nikolajsen. 

Está decisão movimentou o mercado financeiro do mundo todo. Estados Unidos com o Federal Reserve, Federal Deposit Insurance Corp. e o Escritório da Controladora da Moeda se afastaram e não comentarem sobre o assunto.

Conclusão

Suíça já é oficialmente conhecida por ser líder mundial em atividades bancárias, além disso, o país também é um dos principais representantes que possuem uma aproximação positiva de credibilidade e confiança nas moedas digitais. Falcon já instalou na sede bancária de Zurique um ATM bitcoin, oferecendo a possibilidade de seus clientes retirem bitcoins por telefone, de maneira prática e rápida.

loading...
COMPARTILHAR

Publicitária e empresária, sempre ligada nas últimas notícias e poeta nas horas vagas.

  • Bitcoin é o futuro, eu já invisto a 3 meses na AIRBIT CLUB e estou muito satisfatório.
    Excelente mateiro