Início Notícias Novas corretoras de criptomoedas surgem na Coreia do Sul apesar da regulamentação

Novas corretoras de criptomoedas surgem na Coreia do Sul apesar da regulamentação

681
0

Novas corretoras de criptomoedas estão acelerando os processos de lançamento de seus negócios na Coreia do Sul, mesmo com as incertezas regulatórias do país que tem demonstrado grande interesse em criar leis e determinar regras para o mercado de moedas digitais. Dez corretoras de criptomoedas deverão abrir seus negócios no primeiro semestre deste ano.

“Um número crescente de empresas de tecnologia da informação, como de jogos e de segurança, declararam sua entrada no mercado de comercialização de criptomoedas”, informou a Business Korea, agência de notícias sul-coreana, em um artigo publicado nesta segunda-feira, 15 de janeiro.

Duas empresas listadas na Kosdaq, bolsa de valores da Coreia do Sul, estão “acelerando o lançamento de suas corretoras de criptomoedas“, dizia o artigo. Nex G e Hanbit Soft, as duas empresas em questão, estão criando, atualmente, sistemas de segurança e de anti-lavagem de dinheiro (AML, na sigla em inglês) para seus negócios de comercialização de moedas digitais. Ambas esperam lançar suas corretoras em março deste ano. “Estamos planejando operar a corretora denominada Nex Coin e já oficializamos o negócio na semana passada. Vamos configurar todos os sistemas fornecidos por uma instituição financeira normal, como sistemas de anti-lavagem de dinheiro e de controle de segurança“, disse um funcionário da Nex G.

“De acordo com a legislação de comércio eletrônico atual, as empresas podem operar uma corretora de criptomoedas a partir de um registro como sendo um negócio de telemarketing, para o governo local”, explicou a Business Korea.

A Coreia do Sul possui as quatro maiores corretoras de criptomoedas do mundo, além de muitas outras pequenas e médias. A Bithumb tem sido a maior corretora do país por volume. A Upbit, corretora de criptomoedas financiada pela Kakao Corporation, empresa de internet do país, afirma ter batido o seu recorde em dezembro do ano passado. Entre outras principais corretoras de moedas digitais do país, estão a Korbit e Coinone.

O The Digital Times, site de notícias, publicou no início deste mês que “há cerca de 30 corretoras de criptomoedas operando atualmente na Coreia do Sul, e mais de 10 novas corretoras serão abertas no primeiro semestre deste ano“.

Além da Nex Coin e da Hanbit Soft, outras corretoras que também abrirão seus negócios ainda no primeiro semestre deste ano, como por exemplo a Zeniex e a Komid. A primeira anunciou seu lançamento para este mês. A segunda foi lançada em 5 de janeiro e imediatamente a teve a página inicial da sua plataforma paralisada devido à alta quantidade de acessos, registrando mais de 100 mil pessoas tentando acessá-la.

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.