O órgão de fiscalização financeira da Coreia do Sul estabeleceu o prazo para iniciar o bloqueio total das contas anônimas de criptomoedas no país.

De acordo com um novo anúncio da Comissão de Serviços Financeiros (FSC, na sigla em inglês), a partir de 30 de janeiro, os investidores de criptomoedas da Coreia do Sul terão que usar contas bancárias nominais para continuar atuando no mercado de moedas digitais.

Assim que a regra entrar em vigor, os investidores só poderão depositar fundos para trocar criptomoedas se seus nomes das contas de corretoras de moedas digitais forem compatíveis com suas contas bancárias.

A medida é parte da força tarefa do órgão regulador de estar em conformidade com o requisito de conhecimento de cliente (KYC, na sigla em inglês) na tentativa de reduzir a especulação em torno das criptomoedas. O FSC disse durante o lançamento que a nova regra é resultado de uma inspeção de contas de criptomoedas anônimas, assistidas por seis bancos, bem como pela Unidade de Inteligência Financeira, que ocorreu de 8 a 16 de janeiro.

Além disso, o anúncio oficial também estabeleceu uma diretriz para as corretoras de criptomoedas em relação aos crimes de lavagem de dinheiro, que descreve situações em que as corretoras devem ficar alertas com potenciais atividades ilegais. O guia dizia que os usuários que fizerem transações com moedas digitais de mais de 10 milhões de won (cerca de US$9.300) em um único dia ou de mais de 20 milhões de won (cerca de US$18.600) durante sete dias podem ser considerados suspeitos de lavagem de dinheiro.

A nova regra também parece ter um impacto mais amplo sobre os estrangeiros que utilizam corretoras de criptomoedas na Coreia do Sul. Conforme o anúncio feito pela FSC, menores de idade e cidadãos não sul-coreanos serão limitados do novo serviço de verificação de nome.

Até agora, as três principais corretoras de criptomoedas sul-coreanas disseram que estão de acordo com a nova medida. Um representante da Coinone, por exemplo, confirmou que irá impor a mudança a partir de 30 de janeiro.

loading...
COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.