Início Notícias Comissão dos EUA diz que consumidores perderão mais de US$3 bilhões até...

Comissão dos EUA diz que consumidores perderão mais de US$3 bilhões até o final de 2018 em fraudes com criptomoedas

418
0
Comissão dos EUA diz que consumidores perderão mais de US$3 bilhões até o final de 2018 em fraudes com criptomoedas

Segundo o artigo publicado pela Coindesk, agência de notícias especializada no universo das criptomoedas, consumidores perderam US$532 milhões em fraudes relacionadas às criptomoedas nos dois primeiros meses de 2018, disse um funcionário da Comissão Federal do Comércio dos EUA (FTC, na sigla em inglês), agência independente do governo norte-americano, nesta segunda-feira, 25 de junho.

Falando durante um evento focado em fraudes no geral e fraudes envolvendo criptomoedas especificamente, Andrew Smith, diretor da comissão de proteção ao consumidor da agência, citou a cifra e disse que ela cifra poderia aumentar para bilhões até o final do ano:

“Os consumidores perderão mais de US $ 3 bilhões até o final de 2018”, disse ele aos participantes do evento, que foi transmitido ao vivo.

Uma parte do problema é a falta de cuidado por parte dos investidores. Esta foi uma questão destacada por Joe Rotunda, diretor de fiscalização do Texas State Securities Board.

O diretor de pesquisa do Coin Center, Peter Van Valkenburgh, disse que as pessoas são levadas à fraude – desde golpes de saque a esquemas de pump-and-dump – simplesmente porque querem ver um retorno maior de seus investimentos.

“Eu acho que ninguém deveria comprar mais criptomoedas, colocar mais criptomoedas do que o que eles estão completamente dispostos a perder”, comentou Van Valkenburgh, acrescentando:

“Essa é uma mensagem que precisa ser repetida e repetida.”

Rotunda disse que acredita que “os reguladores precisam ser proativos em qualquer tipo de novo mercado, especialmente este tipo. Não tivemos o público lançando diferentes tipos de investimentos como este um ano atrás. Isso é algo que explodiu no final do ano passado.”

“Os reguladores precisam ser o número um, identificar as empresas que estão tentando fazer o certo e trabalhar com elas”, observou ele. “As empresas que estão tentando fazer isso direito [devem] receber uma ligação telefônica do regulador, não uma ordem de cessação, certo? Não é uma ação judicial. Normalmente podemos trabalhar com eles … [e] precisamos para identificar os esquemas fraudulentos e precisamos agir rapidamente e pará-los.”

Como seria de se esperar, o evento também recebeu apelos por abordagens de autorregulação, uma ideia que viu avanços de fontes públicas e privadas nos últimos meses.

No entanto, no final, a discussão recaiu sobre uma recomendação comum: os investidores devem fazer sua devida diligência.

“Se você mesmo não é capaz de explicar a alguém o que um token deve fazer, você não deve comprar o token”, disse Van Valkenburgh. “Se você não pode dizer qual é a sua inovação tecnológica, você não deve participar.”

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.
Compre e Venda Bitcoin, Ethereum, Litecoin e Decred de maneira simples, rápida e segura !!CLIQUE AQUI