Início Notícias CoinWISE inaugura nova sede em Recife

CoinWISE inaugura nova sede em Recife

249
0
CoinWISE inaugura nova sede em Recife

A CoinWISE, empresa especializada em soluções de pagamento e segurança com criptomoedas, inaugurou sua nova sede no Recife, Pernambuco, na última quarta-feira, 12 de dezembro.

A inauguração ocorreu no shopping Paço Alfândega, localizado no Recife Antigo. A nova sede da empresa está localizada no primeiro andar do shopping e contém uma ampla entrada onde estão expostos seus principais produtos, como a BitVending (máquina de compra e venda de criptoativos e outros produtos) e a SafeWISE, hardware wallet lançada recentemente.

O Criptomoedas Fácil esteve na inauguração e conferiu as novidades que a empresa trouxe. Entre os itens expostos na nova sede, um chamou a atenção: um exemplar da Enigma, máquina de criptografar mensagem criada pela Alemanha nazista e que ganhou fama durante a II Guerra Mundial.

Com 70% das peças originais, a máquina foi um prato cheio para os amantes de história e criptografia. Além disso, encontra-se perfeitamente funcional – como pudemos verificar na prática após o evento.

Um sonho em um momento de pesadelo

Além de conferir de perto a inauguração, também entrevistamos os fundadores da CoinWISE Marco Carnut (CEO) e Juliana Assad (COO).

Ao falarmos sobre a inauguração da nova sede da empresa em um momento de baixa no mercado de criptoativos, onde muitas empresas estão fechando suas portas, Carnut foi taxativo: para ele, o preço do Bitcoin está em segundo plano.

“Nós da CoinWISE entramos no mundo das criptomoedas pelas perspectivas da tecnologia. Para nós, o preço é um assunto secundário. Inclusive, sempre nos perturba quando falam que ‘o Bitcoin caiu’. Não, foi o preço do Bitcoin nas corretoras. O Bitcoin e seu preço são duas coisas diferentes”, afirmou.

Ele afirmou que o Bitcoin, pelo seu caráter inovador, logo dará frutos, independentemente do cenário de alta ou baixa.

“O Bitcoin é uma tecnologia que permite contabilidade global perfeita, auditável e de livre ingresso. Essa é uma inovação na história da humanidade, e ela vai dar frutos cedo ou tarde.”

Já Juliana Assad mostrou-se otimista com a restruturação do mercado, que, segundo ela, pode gerar mais inovações.

“Vimos empresas que se reestruturaram, procuraram um novo rumo e gerar valor de outra forma. E eu acho que são nesses momentos onde surgem as grandes inovações. E apostamos nisso: em um 2019 com outra mentalidade, experimentando novas coisas. Acredito que o mercado vai passar por várias consolidações; muitas empresas vão surgir, e outras não vão mais se enxergar nesse novo mundo. Eu estou otimista, mas com um otimismo cauteloso. Os desafios estão aí e estamos nos preparando para eles.”

Uma vantagem apontada por Carnut nesse momento de baixa do mercado foi a “limpeza”, com a saída de especuladores e de pessoas mal-intencionadas – algo que ele nomeou como “segunda onda do Bitcoin”.

“O Bitcoin continua no seu rumo de crescimento em adoção. E essa alta foi boa no sentido de retirar do mercado pessoas mal-intencionadas e quem só estava interessado na especulação. Também está dando tempo para que os desenvolvedores venham com novos projetos e melhorias. É nesse contexto que estamos inaugurando nossa sede, no contexto da segunda onda do Bitcoin”, enfatizou Carnut.

Planos para 2019

Os fundadores também falaram sobre os planos da CoinWISE para 2019, assim como a expectativa quanto ao desenvolvimento do mercado de criptoativos. A meta, segundo Assad, é a consolidação dos produtos da empresa.

“Em 2019, nossa visão é a de consolidar os produtos que já temos. Enxergamos o próximo ano como um ano de expansão para os produtos de pagamento. Temos conversado com parceiros estratégicos e estruturado o aumento da adoção, temos um roadmap muito focado na adoção. O SafeWISE é um outro produto no qual temos foco em 2019, temos uma série de features para melhorar a segurança e a estabilidade para mostrar que o ambiente cripto pode ser seguro e para melhorar a experiência do cliente”.

Usabilidade e ensino à respeito da natureza das criptomoedas são algumas das metas da empresa para o próximo ano.

“Queremos pensar em como tornar melhor a usabilidade dos nossos produtos, facilitar o encontro dos pontos de venda pelas pessoas, ensinar como e onde elas podem usar as criptomoedas e mostrar o que elas realmente são: uma forma segura e sem fronteiras de você fazer transações e pagamento pela internet”, concluiu Assad.

Um fenômeno curioso foi destacado pelo CEO: a grande procura pelos serviços da CoiWISE; o mercado está em baixa, mas a busca por Bitcoin como meio de pagamento parece seguir a tendência oposta.

“Nas últimas semanas, tem acontecido um fenômeno que achamos muito curioso: temos tido um ‘surto’ de pessoas interessadas em adotar criptomoedas como meio de pagamento. Era algo que sempre quis que tivesse acontecido, as pessoas estão percebendo que o Bitcoin não é apenas para ‘ganhe dinheiro rápido’, mas que significa uma nova estrutura. Dinheiro em espécie digital, soberania e controle do seu próprio dinheiro”, ressaltou Carnut.

Disseminação e evangelização

Essa grande procura é resultado do forte trabalho de evangelização da empresa em Recife. Segundo Wagner Santana, representante comercial da CoinWISE, entre 70 e 80 estabelecimentos comerciais  da cidade (entre empresas e profissionais liberais) aceitam Bitcoin e outras criptomoedas como forma de pagamento.

“É um trabalho de disseminação, evangelização e de esclarecimento. As pessoas leigas ainda não conhecem o mundo das criptomoedas, e nós seguimos firmes nessa luta de termos cada vez mais estabelecimentos aceitando pagamento com criptomoedas”, afirmou.

Diante disso, Santana não duvida que a empresa está no caminho certo em crescimento e adoção da tecnologia dos criptoativos como meio de pagamento. E é exatamente isso que a nova sede representa, segundo ele.

“Representa nossa resistência e a certeza de que estamos trabalhando com uma tecnologia inovadora e que veio para ficar. Não há mais volta. Então nós temos muita confiança naquilo em que fazemos. Essa sede é um orgulho imenso para todo o time, representa o resultado de quase dois anos de trabalho intenso, e nós não temos medo algum do futuro das criptomoedas. Esperamos uma revolução sem igual no mundo da tecnologia, desde a criptografia”, afirmou.

E o otimismo com o futuro do Bitcoin e da CoinWISE pode ser visto – aliás, ouvido – nas palavras finais de Carnut.

“Nós achamos que o Bitcoin está nesse momento pré-renascimento e torcemos (e trabalhamos) para nos tornarmos a Amazon do mundo cripto.”

Compre e Venda Bitcoin, Ethereum, Litecoin e Decred de maneira simples, rápida e segura !!CLIQUE AQUI