Início Notícias Cofundador do Airbnb apoia plataforma de criptomoedas para investidores institucionais

Cofundador do Airbnb apoia plataforma de criptomoedas para investidores institucionais

251
0
Cofundador do Airbnb apoia plataforma de criptomoedas para investidores institucionais

Conforme o artigo publicado pela agência de notícias Coindesk, uma plataforma de criptomoedas que se dispõe a fornecer serviços de negociação para investidores institucionais encerrou uma primeira rodada de financiamento de US$22,7 milhões.

Chamada de SFOX, a plataforma anunciou nesta quinta-feira, 17 de agosto, que seu capital acionário foi liderado pela Tribe Capital e Social Capital, e tem o apoio do cofundador do Airbnb Nathan Blecharczyk e de outras empresas.

Fundada em 2014, a SFOX opera como um centro comercial para investidores institucionais, indivíduos com patrimônio líquido elevado e family offices. A empresa ajuda esses traders de alto volume a cumprir suas ordens de compra e venda, executando-as através de suas integrações com diferentes exchanges de criptomoedas.

A SFOX visa minimizar o impacto do comércio de alto volume no mercado de criptomoedas, enquanto aumenta a liquidez das transações – “uma das barreiras mais significativas para a adoção das criptomoeda pelo capital institucional”, segundo Arjun Sethi, cofundador e sócio da Tribe Capital.

A SFOX alega no comunicado que ela já facilitou mais de US$9 bilhões em volume de transações e reporta um crescimento de 12 vezes em número de clientes já este ano.

Com o novo financiamento, a SFOX disse que está trabalhando na implantação de serviços de gerenciamento de criptoativos, além da facilidade de negociação existente. Também planeja aumentar a mão de obra e expandir para mais regiões geográficas nos próximos 12 meses.

O executivo-chefe da SFOX, Akbar Thobhani – que antes era chefe de crescimento e desenvolvimento de negócios do Airbnb – disse que o plano é uma resposta ao crescente interesse de clientes por um nível maior de exposição aos criptoativos.

Thobhani comentou:

“Continuamos a observar a demanda sustentada e crescente de instituições que querem incluir criptomoedas como parte de um portfólio diversificado, mas relutam em fazê-lo por causa da incerteza e da volatilidade.”

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.