Ainda o ano passado, a Nasdaq, uma das maiores bolsas de valores do mundo e a principal relacionada à tecnologia, anunciou que pretende incluir o Bitcoin entre seus ativos. Na ocasião, Adena Friedman, CEO da bolsa, disse que a Nasdaq está explorando o lançamento de um produto futuro de Bitcoin, projetado para funcionar como um investimento de longo prazo, e também expressou o interesse da bolsa em explorar as criptomoedas no futuro quando o mercado estiver mais maduro.

Durante esta semana, Friedman disse, durante um podcast para Boss Files da CNN, que as criptomoedas são o “próximo passo certo no espaço da moeda”, porque a existência de um “mecanismo de pagamento globalizado” é um ajuste natural para a economia digital transfronteiriça.

“Como isso evoluirá e qual das criptomoedas pode ou não ser aquela que acabará sendo adotada, acho que ainda não podemos dizer. Mas eu acho que a ideia de um mecanismo de pagamento mais globalizado e mais eficiente do que o que temos hoje permite que o dinheiro seja transferido entre países e certamente apóia a economia da Internet.”

Em outra parte da entrevista, Friedman elogiou a promessa da tecnologia blockchain, explicando que “tira muito risco do sistema e, portanto, faz com que os bancos não tenham que ser tão intensivos em capital. E isso é um grande incentivo”. Dito isso, ela não espera que a tecnologia blockchain transforme o sistema financeiro da noite para o dia e prevê que isso acontecerá gradualmente, primeiro em mercados caracterizados por menos regulamentação ou altos níveis de ineficiência.

“Eu acho que a tecnologia é fascinante e é uma tecnologia muito boa. É apenas uma questão de garantir que a comunidade esteja envolvida com todos trabalhando juntos”, disse Friedman.

loading...
COMPARTILHAR
Toda honra e Glória pertencem a Deus sempre. Publicitário e Produtor Cultural. Entusiasta de tudo aquilo que o Estado não consegue controlar. Abaixo aos muros, que se construa janelas para o amanhã