Início Coluna CriptoFuturo Cenários de Futuro: Quando vale a pena gastar suas moedas?

Cenários de Futuro: Quando vale a pena gastar suas moedas?

992
2

Eu não sou exatamente um cara que tenha uma quantia gigantesca em criptomoedas, vocês já sabem. Essa semana eu me peguei pensando no que eu quero fazer com isso e quando eu devo gastar, quanto, etc. Um dos argumentos a favor do hold é o histórico de valorização, mas do que vale ficar com síndrome de dragão, acumulando e não aproveitar a vida? Não fazer as coisas que você tem oportunidade de fazer pra acumular uma riqueza pra um amanhã que você nem tem certeza que vai estar aqui pra viver?

O meu plano inicial era um hold até fim de 2018, daí eu ia tirar uma quantia pra ver o que dava pra fazer. Bem, eu estou sendo seriamente tentado a reconsiderar, um amigo está vendendo um equipamento de cinema que é um sonho que eu tenho de aquisição pra a minha produtora já a uns 3 anos, e o que eu tenho hoje em Bitcoin cobriria o que me faltam em Real pra comprar. O preço do equipamento tá bom, tá em ótimo estado, conheço o dono e sei o quanto ele é cuidadoso. Com esse preço, o equipamento vai ser vendido muito rápido e minhas chances de conseguir um nessas condições vão ser bem escassas.

Pra você pode ser aquela promoção de viagem pra um lugar que você sempre quis levar sua mulher pra uma segunda lua de mel, ou o seu carro dos sonhos. Pode ser a grana pra passar as férias com uma vó que já é velhinha e você não sabe se vai estar lá nas férias do ano que vem, ou ajudar aquele amigo que está numa situação difícil e esteve na sua vida nos momentos que você precisou. O que eu quero dizer é que a gente não pode se deixar cegar pela cotação e previsões e esquecer de usar o que a gente já ganhou pra viver, pra fazer as coisas que a gente sabe que vai se arrepender muito mais se não fizer.

Nos segundos finais da vida você não vai se arrepender de não ter segurado mais tempo suas criptomoedas, vai se arrepender de não ter usado elas pra fazer o que você sabia que era o certo naqueles momentos onde elas eram o recurso que faria diferença na sua vida e na dos que você se importa, então avalie direito como você está gerenciando seus recursos. Não faça por impulso, mas também não seja frio a ponto de ser um cadáver que simplesmente não sabe que está morto…

Chegar no equilíbrio entre lógica calculista e lógica emocional é o que eu sugiro como a solução pra saber quando gastar suas moedas, seja dinheiro de papel, limite de cartão, criptomoedas, o que for. Não confunda preço com valor. As coisas que mais têm valor pra nós não têm preço.

loading...
COMPARTILHAR
Joinvillense, nascido em 92, fundador do grupo de Facebook Bitcoin Brasil, apaixonado por tecnologia opensource, criptomoedas e futurologista, sempre imaginando o que pode acontecer. Louco por cinema e tv, quer me ver feliz, me dê uma câmera e algo pra fotografar/filmar.
Garanta já sua vaga para o Block Summit SPCLIQUE AQUI