Início Notícias Cédulas de Bitcoin começam a ser vendidas em Cingapura

Cédulas de Bitcoin começam a ser vendidas em Cingapura

1151
1
Panoramic view of the Singapore skyline at dusk from across the bay.

Um dos grandes desafios do mercado de Bitcoin é tornar-se acessível para a grande parte da população que detém pouco conhecimento sobre tecnologia. Afinal, manusear uma carteira digital nem sempre é tarefa fácil. Por isso, diversos meios de interação entre esses ativos e o dinheiro fiduciário – como caixas eletrônicos, cartões de débito e derivativos financeiros – buscam tornar essa experiência mais simples e agradável.

Com o objetivo de facilitar ainda mais o uso da criptomoeda, a Tangem, uma empresa de Cingapura, resolveu trazer mais uma inovação e começou a vender notas bancárias de Bitcoin. Ou, como a própria empresa afirma, “notas inteligentes”.

As notas levam o título de inteligentes pois, ao contrário das cédulas tradicionais, elas não são feitas de papel. São unidades de armazenamento de hardware com um chip S3D350A fabricado pela Samsung. O que eles têm em comum com as cédulas é que elas representam um valor fixo e podem ser dadas fisicamente como pagamento de quaisquer bens ou serviços.

Essencialmente, essas notas são carteiras independentes que possuem sua própria chave privada. A Tangem, empresa responsável pela fabricação, refere-se a eles como “carteiras frias à prova de cópias”.

A descrição das cédulas pode trazer à mente o dispositivo Opendime, que foi lançado com o objetivo de possibilitar a troca de Bitcoins de forma semelhante à troca de dinheiro vivo.

Vantagens, usos e preços

De acordo com um post no Medium da Megaxstore – empresa que fará a venda das cédulas – a tecnologia do chip das cédulas é à prova de adulteração e sua proteção abarca “todas as formas conhecidas de ataque em hardware e software”. Ele diz que anos de desenvolvimento de chip via cartões de crédito, cartões SIM e cartões de identidade levaram a um produto seguro o suficiente para que “o custo de hackear uma única nota de banco não compense a tentativa.”

Segundo a Tangem, as notas possuem uma grande vantagem sobre transações on-line porque o pagamento é instantâneo e não incorre em taxas de transação. No entanto, ela também alerta para os custos envolvendo a adoção de meios físicos pagamentos: segurança, distância e a falta de conveniência.

Inicialmente, as cédulas estarão disponíveis para compra nas denominações de 0,01 e 0,05 BTC, de acordo com um comunicado de imprensa da empresa. No preço atual, esses valores correspondem a 94 e 469 dólares, respectivamente, de acordo com coinmarketcap.com. Para adquiri-las, será necessário ir até a loja da Megaxstore em Cingapura – a empresa ainda não anunciou as datas para o início das vendas on-line.

A Tangem possui sede em Zug (Suíça) e possui escritórios em Hong Kong e Cingapura. Seus centros de pesquisa e desenvolvimento estão em Taiwan, na Rússia e em Israel. A fabricação ocorre na Coréia do Sul e na China.