Início Conteúdo Patrocinado CEDEX Coin: A moeda que veio para democratizar o comércio de diamantes

CEDEX Coin: A moeda que veio para democratizar o comércio de diamantes

674
1

A CEDEX é a primeira plataforma para comercialização de diamantes certificados em blockchain. Ela irá criar uma solução inovadora e revolucionária permitindo que as pessoas invistam com segurança em diamantes, como qualquer outro ativo financeiro.

Os diamantes tradicionalmente sempre mantiveram um boa valorização com maior estabilidade de preços do que a maioria das outras commodities. O ecossistema de compradores e investidores, emergentes ou experientes, tem apoiado esta posição dos diamantes e mantendo-o no topo do mercado como um ativo dos mais fortes. No entanto, existem três obstáculos significativos que atualmente impedem que os diamantes sejam uma classe de investimento alternativa para investidores em geral.

Primeiro, há uma falta de transparência nos preços e intercâmbios. Os avaliadores profissionais usam os 4Cs da qualidade dos diamantes – cor, clareza, corte e quilates – para determinar os preços das pedras individuais. Dito isto, é preciso uma quantidade substancial de conhecimento específico da indústria para poder entender como um diamante é avaliado com qualquer grau de precisão. Combine isso com grandes marcas, preços de lista e uma “mentalidade de loja fechada” que prevalece em todo o comércio de diamantes, e você acaba com um enorme obstáculo que impede os investidores em geral de participarem deste enorme mercado.

Além disso, o mercado atua, com muita força, para impedir o consumidor final de revender o diamante que ele adquiriu em momentos anteriores, ‘impedindo’ assim um comercio forte. Os diamantes geralmente são vendidos para consumidores finais em transações unilaterais, como se fossem bens não duráveis. Se um desses consumidores finais quiser revender sua pedra, eles são ‘forçados’ a perder algo em torno de 30 e 50% do valor que o mercado aplica na venda.

Finalmente, há o problema da falta de padronização. Cada diamante é único – e, embora isso possa ajudar a torná-los mais significativos para os consumidores, certamente funciona em detrimento quando se trata de investidores. Outras commodities que oferecem estabilidade semelhante, como lojas de valor, são fungíveis: 1 grama de ouro, prata ou platina é o mesmo que qualquer outro grama de ouro, prata ou platina em qualquer lugar do mundo. Isso permite um preço fácil e padronizado das commodities que os diamantes simplesmente não têm.

Com uma boa compreensão desses problemas, torna-se bastante óbvio por que os diamantes não são um bem publicamente negociável. É por isso que o CEDEX tem a oportunidade de fazer algo realmente revolucionário.

A solução inovadora do projeto CEDEX começa com o DEX. É um algoritmo de aprendizagem de máquinas proprietário que muda tudo, resolvendo os problemas de transparência e padronização. O DEX atribui  cada diamante a uma categoria e, em seguida, o compara com outros diamantes com base em benchmarks estabelecidos para essa categoria. Todos os diamantes recebem então um valor transparente para que os investidores não precisem entender seus compósitos de gemas ou outros dados – eles podem simplesmente escolher o melhor diamante disponível.

A segunda parte da solução do CEDEX é a blockchain, que é usada para tokenizar diamantes. Esses tokens – Moedas CEDEX – são importantes porque permitem contratos inteligentes que garantem a confiança a integridade da operação. Os contratos inteligentes são essencialmente apenas contratos auto-executados que proporcionam segurança e transparência, assim como os contratos tradicionais, mas a partir de uma rede publica, descentralizada e global.

Quando um titular de diamante lista uma pedra para negociação, eles iniciam o processo criando um contrato inteligente que armazena os dados gemológicos da pedra e informações adicionais relevantes para seu valor. Quando um comprador concorda em comprar a pedra, ele ira pagar a quantidade apropriada de moedas CEDEX no contrato inteligente, que as manterá até a entrega do diamante ter sido concluída. Nesse ponto, o vendedor recebe seu dinheiro e as duas partes obtêm o que querem.

A Blockchain é capaz de melhorar ainda mais a transparência do DEX, mas seu maior valor é fornecer liquidez para o mercado. O algoritmo DEX permite aos potenciais compradores, vendedores e investidores ter confiança em suas transações. A plataforma utilizando da blockchain, em seguida, agrupa esses grupos e facilita as transações entre eles tudo por uma pequena fração do custo dos serviços tradicionais – resolvendo a falta de problemas de liquidez no processo.

Em última análise, a equipe do CEDEX vê  a CEDEX Coin tornando-se parte integrante do ecossistema global de diamantes. Além da funcionalidade do contrato inteligente e da transparência aprimorada, possui uma ótima utilidade como parte da plataforma CEDEX, incluindo ser:

  • Usado para facilitar as compras de derivados diamantes e dos próprios diamantes;
  • Usado para pagamento a todos os provedores de serviços, como os laboratórios gemológicos, o custodiante, o seguro e o transporte;
  • Usado para cobrir garantias e taxas de empréstimos para investidores que desejam abrir uma posição curta;
  • Dado como empréstimos a investidores que colocam suas carteiras de diamantes como garantia;

A tecnologia Blockchain está sendo usada em um amplo espectro de aplicativos. Algumas indústrias se beneficiam imensamente disto, enquanto muitas outras aplicações parecem estar totalmente superadas. Dado os principais problemas que a CEDEX resolve com a blockchain e o DEX, é claro que este projeto terá um impacto positivo nos detentores individuais de diamantes e no setor global de diamantes como um todo.

Para mais informações, acesse: https://cedex.com

Aviso:  Este artigo é apenas para fins informativos, a informação não constitui aconselhamento de investimento ou uma oferta para investir. Criptomoedas Fácil não é responsável por qualquer conteúdo, produtos ou serviços mencionados neste artigo.