Braziliex inicia negociações da criptomoeda Internet of People (IoP)

A exchange brasileira Braziliex anunciou a integração de uma nova criptomoeda em sua plataforma. A Internet of People (IoP) poderá ser negociada através de sua plataforma nos pares BLR, BTC e USDT. Com a nova adição, a Braziliex passa a contar com 28 criptomoedas em sua plataforma, colocando-a como a exchange brasileira com a maior quantidade de pares de negociação, além de ser a única do país que permite comprar diretamente com real criptomoedas como Litecoin Cash, Golen, Decred, Tron, EOS e, agora, IoP, entre outras.

A IoP foi lançada para ser mais do que uma criptomoeda. Ela é uma rede descentralizada que possibilita operações P2P sem a necessidade de intermediários, o que permite a criação de aplicativos e a realização de pagamentos com menos taxas, oferecendo aos usuários total controle sobre seus dados pessoais.

Isso pode ser realizado por meio do uso da moeda IoP coin na rede. Elas são baseados no core do Bitcoin (0.15.0.1), executando um proof-of-work ligeiramente modificado que usa endereços na lista de permissões para evitar a armadilha ASIC. Este ano, a IoP apresentará um novo mecanismo de consenso baseado em gráficos acíclicos direcionados (DAGs), tolerância a falhas bizantinas e votação virtual para tornar as coisas ainda mais justas e eficientes.

Criada pelos desenvolvedores Marcelo e Ricardo Rozgrin, a Braziliex possui atualmente mais de 60 mil clientes ativos. A inserção da Internet of People (IoP) pela exchange faz parte do plano de expansão e desenvolvimento de sua plataforma, que também é a única do Brasil que emite eletronicamente notas fiscais para absolutamente todas as transações feitas. Além disso, a Braziliex possui uma das menores tarifas do mercado, como taxa zero para depósitos em reais, 0.50% para ordens de compra e venda em real (BRL), 0,25% para ordens de compra e venda em Bitcoin (BTC) e 0,25% + R$9,00 para saques em reais.

loading...
COMPARTILHAR
Toda honra e Glória pertencem a Deus sempre. Publicitário e Produtor Cultural. Entusiasta de tudo aquilo que o Estado não consegue controlar. Abaixo aos muros, que se construa janelas para o amanhã