Início Notícias Bolsa de Valores da Austrália mira em um novo sistema DLT que...

Bolsa de Valores da Austrália mira em um novo sistema DLT que traria economia de bilhões

599
1
Bolsa de Valores da Austrália mira em um novo sistema DLT que traria economia de bilhões

A Australian Securities Exchange, Bolsa de Valores da Austrália, poderia economizar até US$23 bilhões em um esforço para substituir seu sistema de liquidação por um livro-razão distribuído (DLT), anunciou seu CEO na última quinta-feira, 16 de agosto.

Segundo o artigo publicado pela agência de notícias Coindesk, Dominic Stevens, diretor administrativo e CEO da ASX Limited – a operadora da bolsa – explicou como o fato de usar a tecnologia de contabilidade distribuída (DLT) no lugar de seu sistema de sub-registro eletrônico (CHESS) ofereceria mais eficiência do que o CHESS na transmissão de mensagens e no acesso à informação.

No momento, a compensação e liquidação de ações custam à indústria cerca de US$100 milhões, e o custo total de todas as comunicações e outras questões para a “super indústria” está próximo de US$23 bilhões, disse Stevens. A mudança para o DLT “proporcionaria um enorme valor ao ser um grande facilitador de negócios para nossos clientes e um importante facilitador de inovação para emissores e investidores”.

“Todos os dias o dia todo, os participantes enviam mensagens para o banco de dados CHESS para se certificarem de que estão perfeitamente reconciliados. Esse processo é propenso a erros e caro de corrigir. Os bancos de dados dos participantes também podem ser diferentes, ou seja, vários versões de software essencialmente fazendo a mesma coisa”, disse ele durante uma apresentação.

“Estes são problemas que um livro distribuído pode resolver”, acrescentou.

Com o novo sistema, os participantes executarão nós em vez de enviar mensagens e se conectarão a todo o banco de dados, em vez de ter muitos “bancos de dados diferentes”, o que ajudará a eliminar erros. No entanto, os clientes que não quiserem executar nós ainda poderão receber mensagens “de maneira semelhante à que eles fazem hoje”.

A ASX anunciou no início deste ano que estava buscando feedback sobre sua proposta de usar o DLT no lugar do CHESS, e Stevens confirmou na quinta-feira que a bolsa pretende lançar o sistema até o final de 2020.

A plataforma é baseada na tecnologia da Digital Asset Holdings, da qual a ASX é proprietária parcial. No futuro, ela pode operar não apenas para as ações, mas potencialmente também para liquidar títulos ou outras classes de ativos, disse ele.

COMPARTILHAR
Publicitária, planejadora estratégica e entusiasta do universo cripto. Confia nas mudanças que a tecnologia irá trazer para a sociedade.