Início Notícias Bolsa de Chicago anuncia crescimento expressivo nos contratos futuros de Bitcoin em...

Bolsa de Chicago anuncia crescimento expressivo nos contratos futuros de Bitcoin em 2018

585
0
Bolsa de Chicago anuncia crescimento expressivo nos contratos futuros de Bitcoin em 2018

A Chicago Mercantile Exchange (CME), bolsa de Chicago e uma das responsáveis pela negociação de contratos futuros de Bitcoin, anunciou um crescimento expressivo nos volumes negociados no segundo trimestre de 2018.

Segundo o gráfico divulgado pela bolsa, o volume médio diário (ADV, barra escura do gráfico abaixo) de futuros de Bitcoin aumentou 93% no segundo trimestre (Q2) deste ano em relação ao primeiro trimestre (Q1), revelou a empresa na última sexta-feira, 20 de julho, através de seu perfil no Twitter. De cerca de 9 mil Bitcoins negociados no Q1, o volume passou a 17.500 Bitcoins no Q2.

A CME também afirmou que a taxa de juros em aberto (OI, barra clara do gráfico abaixo), que equivale ao número de contratos em aberto, ultrapassou 2.400, o que representou um aumento de 58% no primeiro trimestre, quando a quantidade chegou a 1.523 contratos.

Os números do crescimento podem ser conferidos no gráfico abaixo, retirado do tweet da CME.

Uma das maiores bolsas globais de negociação de futuros, o Grupo CME lançou o mercado de futuros de Bitcoin em 17 de dezembro, após o lançamento dos também contratos futuros de Bitcoin pela Chicago Board and Option Exchange (CBOE), a maior bolsa de opções dos EUA, em 10 de dezembro.

Em maio, a filial do Banco Central dos EUA (FED) de São Francisco publicou uma Carta Econômica alegando que a queda do preço dO Bitcoin após a grande alta de 2017 foi resultado da introdução dos futuros de Bitcoin. O FED afirmou que “a rápida subida e subsequente queda no preço” após o lançamento da negociação de futuros do ativo digital “não parecem ter sido uma coincidência”.

No início deste mês, o maior fornecedor de fundos negociados em bolsa (ETF) no mundo, a BlackRock, sofreu rumores de que poderia estar formando um grupo de trabalho para considerar se a empresa deve investir em futuros de Bitcoin. O anúncio, se confirmado, poderia representar uma mudança de postura para a BlackRock, que já foi crítica em relação aos criptoativos, apesar do CEO da empresa já ter “desmentido” e afirmado que não havia encontrado uma grande demanda por parte de seus clientes para oferecer tal produto.

Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!