Início Notícias Blockchain entra na mira da indústria da guerra e Rússia anuncia pesquisas...

Blockchain entra na mira da indústria da guerra e Rússia anuncia pesquisas na área

583
1
Blockchain entra na mira da indústria da guerra e Rússia anuncia pesquisas na área

As diferentes aplicações da tecnologia blockchain começam a ser implantadas em diversos setores pelo mundo, do agronegócio à indústria logística, do setor de saúde ao setor financeiro, todos os dias acompanhamos e noticiamos como esta tecnologia pode transformar as aplicações tradicionais devido às suas características únicas, como por exemplo a imutabilidade.

Recentemente, quem também anunciou a adesão à blockchain foi a indústria militar, uma das mais inovadoras do mundo e onde estão concentrados grande parte dos gastos governamentais.

Segundo o jornal russo Izvestia, o Ministério da Defesa da Rússia anunciou, na semana passada, o lançando de um laboratório de pesquisa que tem como objetivo explorar como a tecnologia blockchain pode ser usada para reforçar a segurança nacional, impedindo hacks na infraestrutura militar.

“Um hacker frequentemente limpa o registro de permissão para ocultar traços de acesso não autorizado ao dispositivo. Mas se o log for distribuído entre vários dispositivos usando a blockchain, é mais difícil para o hacker cobrir seus rastros”, disse Alexei Malanov, especialista em antivírus da Kaspersky Lab.

German Klimenko, presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico Digital e ex-assessor de internet do presidente Vladimir Putin, disse que o Ministério da Defesa é um dos principais impulsionadores de desenvolvimentos de TI e dos esforços de pesquisa no país.

“A tecnologia blockchain é uma ferramenta moderna e eficaz. Já é amplamente utilizada por organizações civis e pode ser útil para os militares”, completou.

A instalação está sendo construída em Anapa, uma cidade costeira russa perto do Mar Negro. O Ministério da Defesa da Rússia quer que o laboratório torne-se um centro tecnológico que empregará inicialmente cerca de 200 cientistas.

Os EUA também vem pesquisando aplicações em blockchain na indústria bélica. A Agência de Projetos de Pesquisa Avançada da American Defense está procurando empresas norte-americanas para ajudar a construir uma plataforma segura de mensagens que é impossível de ser hackeada e, para isso, sugere a utilização da blockchain, em especial a plataforma Hyperledger.

União Europeia e Israel também vêm buscando inserir a blockchain em aplicações militares de diferentes formas, como em drones equipados com inteligência artificial, sistemas de controle de batalha utilizado em navios (como o Aegis), manufatura aditiva (AM), que é o termo militar para impressão 3D, e também proteção de identidade ou proteção de dados.

COMPARTILHAR
Toda honra e Glória pertencem a Deus sempre. Publicitário e Produtor Cultural. Entusiasta de tudo aquilo que o Estado não consegue controlar. Abaixo aos muros, que se construa janelas para o amanhã
Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!