Início Notícias Bitmain, Roger Ver e Kraken são processados por suposto sequestro da rede...

Bitmain, Roger Ver e Kraken são processados por suposto sequestro da rede do Bitcoin Cash após hard fork

92
0
Bitmain, Roger Ver e Kraken são processados por suposto sequestro da rede do Bitcoin Cash após hard fork

A United American Corp. (UnitedCorp), com sede na Flórida, EUA, propôs uma ação contra a empresa de mineração Bitmain, o site de notícias Bitcoin.com, o empresário Roger Ver e a exchange Kraken, de acordo com uma publicação da agência de notícias Cointelegraph. A UnitedCorp alega que os réus planejaram um esquema para assumir o controle da rede Bitcoin Cash (BCH).

Fundada em 1992, a UnitedCorp é uma empresa de desenvolvimento e gerenciamento com foco em telecomunicações e tecnologias da informação. A empresa administra um portfólio de patentes e tecnologia proprietária em telecomunicações, mídia social e blockchain.

O processo aberto no Tribunal Distrital dos EUA do Distrito Sul da Flórida alega que os réus usaram conjuntamente métodos e práticas desleais para manipular a rede do BCH em seu benefício e prejudicaram a UnitedCorp e outras partes interessadas do BCH. A liberação especifica ainda que:

“A UnitedCorp acredita que os réus conspiraram para efetivamente sequestrar a rede do Bitcoin Cash após a atualização programada de 15 de novembro de 2018 com a intenção de centralizar a rede – todos em violação dos padrões e protocolos aceitos associados ao Bitcoin desde a sua criação.”

Em 15 de novembro, a rede do BCH passou por uma atualização, que dividiu a comunidade em dois campos principais, aqueles que apoiam o Bitcoin Cash ABC e aqueles que apoiam o Bitcoin Cash SV. A UnitedCorp afirma que os réus assumiram o controle da rede da criptomoeda logo após o upgrade usando “hashing alugado”. Isso supostamente levou à adoção de conjuntos de regras do Bitcoin ABC, impedindo que outras implantações mantivessem um conjunto de regras democráticas.

A UnitedCorp também alega que em 20 de novembro a equipe de desenvolvimento do Bitcoin ABC colocou uma “pílula venenosa” na blockchain por meio de uma “Deep Reorg Prevention” para fortalecer o controle sobre a blockchain. A mudança supostamente permite a manutenção do controle em implementações para futuras atualizações da rede.

O processo visa a medida cautelar contra os réus e a cessação das ações em andamento percebidas contra a rede do BCH, agora e no futuro. Além disso, a UnitedCorp pede indenização, cujo valor, segundo ela, será determinado no julgamento.