Início Mineração Bitmain anuncia atualização que pode reduzir custos de energia em até 13%...

Bitmain anuncia atualização que pode reduzir custos de energia em até 13% na atividade de mineração

900
0
Bitmain anuncia atualização que pode reduzir custos de energia em até 13% na atividade de mineração

Recentemente, a Bitmain, uma das maiores fabricantes de hardwares do mundo, anunciou uma importante atualização que permitirá aos mineradores de criptomoedas que utilizam equipamentos da empresa a executar um firmware chamado “AsicBoost”, um upgrade que proporcionará economias de custo significativas em relação às configurações de mineração convencionais.

“Estamos muito satisfeitos em compartilhar o lançamento do firmware para o Antminer S9 que habilitará a chamada funcionalidade “AsicBoost”. Nós também liberaremos, em uma semana, o firmware para ativar esta funcionalidade em outros modelos baseados no BM1387, ou seja, o Antminer R4, S9i, S9j, T9 e T9 +. Esta etapa aumentará a eficácia futura de vários modelos do Antminer e fornecerá a estrutura para uma forte rede de longo prazo”, destacou o comunicado.

A Bitmain divulgou o patch poucos dias depois que a Braiins, o grupo de desenvolvimento de software que opera o Slush Pool, revelou ter verificado que o hardware Antminer S9 da Bitmain é capaz de suportar o AsicBoost, embora a fabricante tenha desativado propositalmente por padrão. Inventado por Timo Hanke em colaboração com Sergio Lerner, a tecnologia patenteada AsicBoost reduz a quantidade de trabalho que os mineradores SHA256 devem realizar para produzir um hash.

O AsicBoost pode ser implementado de forma encoberta ou aberta, sendo que o AsicBoost encoberto é mais controverso, pois incentiva os mineradores a produzir blocos pequenos ou vazios. É mais eficiente implementar a tecnologia abertamente e o uso explícito também tem o benefício de não incentivar os mineradores a produzir blocos vazios. No entanto, o AsicBoost encoberto tem o benefício de dificultar a identificação de quais mineradoras estão usando, o que seria atraente para os mineradores que não podem ativá-lo abertamente por razões legais ou outras.

A ativação do Segregated Witness (SegWit) no Bitcoin no ano passado, tornou muito mais difícil usar o AsicBoost encoberto de forma eficaz. Os críticos acusaram a Bitmain de empregar o AsicBoost secreto antes da bifurcação, mas a empresa negou a alegação e um relatório da Bitmex Research disse que era “difícil tirar qualquer conclusão firme” dos dados da blockchain.

No anúncio recente, a Bitmain explicou que sua decisão inicial de bloquear o AsicBoost em seus equipamentos foi resultado da controvérsia legal em torno do uso do AsicBoost, seja ele declarado ou não. Embora inventada por Hanke, a patente associada à AsicBoost foi posteriormente vendida para uma empresa chamada Little Dragon Technology.

No entanto, a Bitmain declara que:

“No que diz respeito aos direitos de patente, continuamos a respeitar o direito de propriedade intelectual de terceiros e a tomar medidas em conformidade. Com base em opiniões jurídicas de várias jurisdições, acreditamos que não existe nem pode ser um direito de patente os desenvolvimentos do AsicBoost. Assim, todos os mineradores devem ter o direito de fazer sua própria escolha sobre a utilização da tecnologia AsicBoost sem que ninguém tenha um direito exclusivo sobre ela”, ressaltou o comunicado.

De acordo com a Braiins, a ativação do AsicBoost pode ocasionar até 13% de economia de energia para o Antminer S9s, proporcionando aos mineradores de Bitcoin uma margem competitiva significativa em uma indústria onde as margens de lucro estão tornando-se cada vez menores.

Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!