Início Notícias Aplicativo de mensagens anuncia integração com Stellar

Aplicativo de mensagens anuncia integração com Stellar

458
0

De acordo com uma postagem feita pela equipe de desenvolvimento do projeto, a Kik, aplicativo de mensagens similar ao WhatsApp, tem uma nova proposta: um token em duas blockchains.

A startup, que arrecadou mais de US$98 milhões em sua oferta inicial de moeda (ICO, na sigla em inglês) no ano passado, já opera como o contrato inteligente ERC-20 na blockchain do Ethereum, porém, segundo os desenvolvedores, os constantes congestionamentos na rede estão impedindo que o aplicativo de bate-papo opere como planejando e, para resolver este problema, a empresa está planejando trabalhar em conjunto com a Stellar. Tudo isso sem aumentar o fornecimento total de tokens.

“Usar uma blockchain de alta velocidade e escalável é a chave para tornar o Kin a criptomoeda ideal para o uso diário. Embora a Ethereum forneça liquidez aos detentores de Kin, seus tempos e taxas de processamento não podem atender às nossas necessidades de uso diário pelo consumidor. A adição da Stellar como uma segunda blockchain nos permitirá operar o ecossistema Kin em uma base mais rápida e eficiente, com baixas taxas de transação – o que é necessário para que possamos atingir a velocidade e a escalabilidade que os serviços digitais exigirão”, disse Gadi Srebnik, líder da equipe de desenvolvimento da Kik.

Os desenvolvedores informaram que não será necessário que os usuários façam qualquer tipo de migração de tokens, uma vez que o token Kin baseado em Stellar tenha sido lançado e totalmente inicializado, o que ocorrerá ainda este ano. Os usuários poderão mover seus tokens entre redes, travando-os em um e desbloqueando-os no outro, presumivelmente por meio de um mecanismo de contrato inteligente. Os desenvolvedores dizem que isso ajudará a garantir que os tokens mantenham um valor estável nas duas redes.

A integração das plataformas, ao invés da substituição, foi necessária, segundo Srebnik. A Stellar possui uma liquidez menor que a Ethereum, o que poderia acarretar desvantagens para os usuários, por isso a Kik desenvolveu uma maneira de implantar o seu token nas duas blockchains preservando também o fornecimento total.

As transações internas com um único serviço digital provavelmente utilizarão os tokens baseados em Stellar, enquanto pagamentos externos e volume de troca provavelmente ocorrerão na rede Ethereum. Srebnik disse que o desenvolvimento desse mecanismo provavelmente levará vários meses. Ele não esclareceu se isso levaria a um possível atraso no lançamento do aplicativo Kin.

COMPARTILHAR
Toda honra e Glória pertencem a Deus sempre. Publicitário e Produtor Cultural. Entusiasta de tudo aquilo que o Estado não consegue controlar. Abaixo aos muros, que se construa janelas para o amanhã
Siga o Criptomoedas Fácil no InstagramCLIQUE AQUI !!!